Goiás Vôlei recebe o Vôlei Guarulhos em busca de reabilitação na Superliga

O Goiás Vôlei volta à quadra neste sábado (05), às 18h, contra o Vedacit Vôlei Guarulhos em duelo válido pela 4ª rodada

Postado em: 04-02-2022 às 16h46
Por: Ildeu Iussef
O Goiás Vôlei volta à quadra neste sábado (05), às 18h, contra o Vedacit Vôlei Guarulhos | Foto: Tathy Serbêto/Goiás Vôlei

O Goiás Vôlei volta à quadra neste sábado (05), às 18h, contra o Vedacit Vôlei Guarulhos em duelo válido pela 4ª rodada do returno da Superliga Masculina de Vôlei, no Ginásio Rio Vermelho. Em contato com a reportagem do Jornal O Hoje, o técnico Marcos Henrique falou da sua expectativa para este compromisso vital na jornada esmeraldina.

“Mesmo perdendo para o Funvic, da forma como foi, nosso time vem numa crescente. Contra eles fizemos nosso melhor jogo em termos de ataque. Então, estou confiante em uma bela atuação diante do Guarulhos. Lógico, vamos enfrentar uma das equipes que tem um dos maiores pontuadores do torneio e é a quarta força da Superliga. Vai ser um jogo difícil e prazeroso, no qual teremos de jogar em alto nível e sem vacilar para poder sair com a vitória”, declarou.

Nesse sentido, o ponteiro esmeraldino Lucas Tchô Tchô afirmou que “A lição que podemos tirar do confronto contra o Funvic é que nunca podemos achar que o jogo estar ganho até o jogo terminar. Temos que sempre querer mais e nunca parar de pensar e agir. É igual o técnico sempre fala ligar o rolo compressor e ir até o final. Porque no vôlei são pequenos detalhes que fazem a diferença no final do set. Então toda ação que tem ser feita com atenção e o máximo de capricho do começo ao fim”.

Continua após a publicidade

Em relação à pressão pela conquista do resultado positivo, visto que o Goiás Vôlei é o 11º colocado com seis pontos conquistados e 02 vitórias em 13 partidas disputadas, o comandante esmeraldino disse: “O time vem de uma sequência de dois jogos sem vitória, mas sabemos que podemos crescer dentro da competição como nós crescemos. Temos a pressão de ter de vencer para escapar do rebaixamento e pleitear uma vaga nos playoffs, mas é preciso paciência e tranquilidade, pensar jogo a jogo. Tenho certeza que os garotos vão corresponder muito bem dentro de quadra o que foi estudado e planejado”.

Vedacit Vôlei Guarulhos

Apesar de ser a 4ª rodada, será a primeira partida do Vedacit Vôlei Guarulhos no returno. Desde a volta dos jogos, em janeiro, a equipe guarulhense teve três partidas adiadas, em virtude de casos de Covid-19 entre os atletas das equipes. Foram cancelados os jogos contra o Fiat Gerdau Minas (1ª rodada); Azulim Gabarito Uberlândia (2ª rodada) e Apan/Eleva Blumenau (3ª rodada). Entretanto, a equipe paulista conseguiu participar pela primeira vez da Copa Brasil de Voleibol, onde conseguiu chegar à semifinal da competição.

“A expectativa é de um grande jogo. O time do Goiás venceu 2 jogos nos últimos 3 confrontos. É um time que conta com jogadores experientes que podem fazer a diferença, além do jovem ponteiro Lucas, muito forte no saque e no ataque. O jogo será na casa do adversário, precisamos estar muito focados para não elevar o número de erros”, pontuou o treinador Guilherme Novaes.

O Vedacit Vôlei Guarulhos ocupa o sexto lugar na classificação geral da Superliga, com 21 pontos conquistados e 07 vitórias em 11 partidas disputadas.

Ingressos

O torcedor esmeraldino pode adquirir seu ingresso acessando o portal: ingresso.goiasec.com.br ou fisicamente no dia da partida, a partir das 14h na bilheteria do Ginásio. Os bilhetes estão sendo comercializados ao preço de R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada conforme Lei Federal 12.933/2013), além da meia-entrada promocional levando 2 litros de leite ou 2 quilos de leite em pó na entrada do Ginásio Rio Vermelho no dia do jogo.

Veja Também