Terça-feira, 27 de fevereiro de 2024

Dois paranaenses tentam ser campeões nacionais em Cascavel

Gui Sirtoli e Junior Helte aceleram no Autódromo Internacional Zilmar Beux pela Turismo Nacional de olho na glória com o título na Turismo Nacional

Postado em: 30-11-2023 às 19h51
Por: Vitória Bronzati
Imagem Ilustrando a Notícia: Dois paranaenses tentam ser campeões nacionais em Cascavel
Os conterrâneos Gui Sirtoli e Junior Helte em ação na Turismo Nacional | Foto: Beto Correa/Stock Car

Cravada no Oeste do Paraná, Cascavel vai receber neste fim de semana a sexta e última etapa da temporada 2023 da Turismo Nacional. Entre dois e três de dezembro, a categoria dos carros mais vendidos do Brasil vai coroar os campeões do ano no tradicional e desafiador circuito de 3.058 metros no Autódromo Internacional Zilmar Beux. Entre os 18 pilotos com chances de conquistar um dos três títulos em disputa estão dois “filhos da terra”: Guilherme Sirtoli e Junior Helte.

Correndo em casa neste fim de semana, Gui Sirtoli é um dos pilotos de maior sucesso nos últimos anos na Turismo Nacional. Na etapa que marcou o encerramento da temporada passada, o piloto de 34 anos faturou cinco vitórias em oito corridas disputadas no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia (GO). Em 2023, foi um dos competidores afetados pelo forte acidente na primeira volta da etapa de Tarumã, mas coroou seu regresso às pistas com um primeiro lugar na rodada de Interlagos.
No total, Gui Sirtoli conquistou duas vitórias na categoria A, além de duas poles e 11 presenças no top-5 na temporada. Desta forma, o competidor reúne possibilidades matemáticas de ser campeão da Turismo Nacional. O cascavelense tem ao todo 266 pontos, enquanto o líder na categoria A é o catarinense Juninho Berlanda, que marcou até agora 478 pontos.

Em razão da regra de pontuação dobrada na última etapa do campeonato, 256 pontos ainda estarão em jogo, o que ainda mantém Gui com chances de faturar o título em 2023. Assim como aconteceu na etapa anterior, realizada no Velopark (RS), Sirtoli correrá em dupla com o streamer e piloto Velho Vamp. Os dois compartilham o volante do Chevrolet Onix #99 da G3X Racing, capitaneada por Alexandre Borba, o Gaules.

Continua após a publicidade

Mesmo ciente do desafio que terá pela frente, Sirtoli garante empenho até o final. “Cascavel é nossa etapa de casa. Por conta disso, temos alguma vantagem por conhecermos alguns macetes da pista. Quanto às chances de título, elas existem, mas sabemos que é bem difícil porque isso depende dos resultados de outros oponentes. Mas vamos lutar até a última bandeirada, até a última curva, e fazer nosso melhor para finalizar bem o ano e já começar a planejar a próxima temporada”, afirmou.

Helte mantém esperanças

Oriundo de cidade-natal vizinha a Cascavel, Toledo, Junior Helte é mais um paranaense com possibilidades de ser campeão na Turismo Nacional em 2023. O piloto faz sua primeira temporada completa correndo pela classe B e marcou até agora 17 presenças no top-5 nas 30 corridas disputadas.

Também com 34 anos, assim como conterrâneo Gui Sirtoli, Helte corre pela equipe Porthack, sediada em São Bento do Sul (SC). O piloto somou até agora 293 pontos, enquanto o líder da tabela do campeonato é o catarinense Augusto Freitas, com 463.

Com 170 pontos a menos, Helte aposta no improvável e na pontuação dobrada em Cascavel para alcançar a virada e levar o Paraná novamente ao topo na Turismo Nacional. “Estou finalizando meu primeiro ano completo na categoria e espero fechar com bons resultados em Cascavel. A expectativa é grande em razão da pontuação valer dobrado, e em automobilismo já vimos muita coisa. Então, tudo pode acontecer”.

Veja Também