Terça-feira, 27 de fevereiro de 2024

Tricampeão Brasileiro, Bruno Varela dá sequência à tradição da família

Piloto conquistou mais um título no Campeonato Brasileiro de Rally Baja

Postado em: 04-12-2023 às 20h04
Por: Vitória Bronzati
Imagem Ilustrando a Notícia: Tricampeão Brasileiro, Bruno Varela dá sequência à tradição da família
Bruno em ação: novo tricampeão brasileiro de Rally Baja | Foto: Nelson Júnior/Photo Action

Neste final de semana, Bruno Varela chegou ao terceiro título do Campeonato Brasileiro de Rally Baja – modalidade similar à dos Rallies Dakar e Sertões. Mais jovem membro do clã liderado por seu pai, Reinaldo, Bruno dá sequência à tradição da família de conquistar títulos praticamente todos os anos. Tricampeão mundial, campeão do Dakar e multicampeão do Sertões, Reinaldo é também pai de Rodrigo e Gabriel, ambos detentores de títulos no Sertões e também em campeonatos brasileiros de várias categorias.

Depois de uma primeira metade de campeonato complicada e uma recuperação impressionante na segunda metade do Brasileiro de Rally Baja, Bruno Varela chegou ao Rally de Terra Verde na liderança, com 19 pontos de vantagem em relação ao segundo colocado, Guilherme Cysne. Uma combinação de resultados poderia dar o título de forma antecipada ao piloto da equipe Can-Am Monster Energy já neste sábado, e foi justamente o que aconteceu.

A especial de 120km foi vencida por Kaique Bentivovlio, com Bruno Varela em segundo lugar, a 1min08s00 do vencedor. O terceiro lugar ficou com o veterano piloto de rally Jean Azevedo. Como Guilherme Cysne, concorrente direto de Bruno ao título, não terminou a prova, a definição do título foi antecipada para este sábado.

Continua após a publicidade

“Foi uma prova muito difícil. Um trajeto com muitos saltos. Consegui andar com cautela e ao mesmo tempo manter um bom ritmo. Eu precisava terminar bem colocado para tentar garantir o título de forma antecipada. E no fim deu certo o nosso plano, o carro estava maravilhoso e a equipe mandou bem demais. O título é nosso!”, comemorou Bruno Varela após a prova. O piloto da equipe Can-Am Monster Energy já havia sido campeão em 2017 e 2019.

Veja Também