Quarta-feira, 28 de fevereiro de 2024

Brasil goleia Argentina e depende de outros resultados no Mundial Feminino de Handebol

A equipe precisa vencer a República Tcheca e torcer pela derrota da Espanha

Postado em: 10-12-2023 às 08h43
Por: Ana Clara de Assis Praxedes
Imagem Ilustrando a Notícia: Brasil goleia Argentina e depende de outros resultados no Mundial Feminino de Handebol
Seleção brasileira segue viva no Mundial Feminino após vitória sobre a Argentina (Foto: IHF)

Em partida válida pelo Mundial Feminino de Handebol, a seleção brasileira venceu a Argentina por 33 a 19, nesta sexta-feira (8), em Fredrikshavn, na Dinamarca. A equipe vinha de uma derrota contra a Holanda e precisava da vitória para se manter viva na competição. Além disso, o resultado de Espanha e República Tcheca, com vitória das tchecas por 30 a 22, ajudou o Brasil, que ainda disputa o segundo lugar do grupo. 

No clássico contra a Argentina, a equipe brasileira teve domínio da partida e mostrou que está disposta a continuar na competição. Com ótima atuação, a goleira Gabriela Moreschi foi eleita a MVP da partida, ela fez grandes defesas e salvou a equipe em várias situações. Destaque também para Bruna de Paula e Adriana Vieira, que ajudaram muito a equipe, elas marcaram cinco gols cada, aumentando a vantagem brasileira. 

Na primeira etapa, o Brasil dominou e conquistou uma boa vantagem, o jogo foi para o intervalo em 16 a 7. Nesse primeiro momento a equipe sofreu com a lesão de Ana Paula Rodrigues, que machucou o joelho. A atleta caiu no chão com dores, não conseguiu se levantar e precisou ser retirada da quadra em uma maca. A delegação brasileira não repassou informações sobre a situação da camisa 9 da equipe. 

Continua após a publicidade

No segundo tempo a Argentina buscou recuperação e criou mais chances, mas não foi o suficiente para alcançar o placar. Mesmo com a vantagem o Brasil não recuou, e conseguiu dobrar o placar, chegando a 33 pontos. O time argentino conseguiu marcar gols mas terminou com 14 pontos a menos, sem chance de virada.

Mesmo com a vitória, o Brasil ainda depende de outros resultados para avançar às quartas de final. O time precisa vencer a República Tcheca na última rodada, e  torcer para que a Espanha seja derrotada pela Holanda. Se isso acontecer, a seleção brasileira empata em pontuação com as equipes espanhola e tcheca, e passa com vantagem no saldo de gols, que até agora é maior que o das adversárias. Se os resultados acontecerem, o Brasil garante a segunda vaga no mata-mata, juntamente com a líder Holanda.

A Seleção encara a República Tcheca no domingo (10), às 10h15. Holanda e Espanha se enfrentam duas horas mais tarde. As duas partidas acontecem na Arena Nord, em Fredrikshavn, na Dinamarca. 

O Mundial 

O torneio de handebol feminino conta com a participação de 32 equipes. Elas foram divididas em oito grupos de quatro seleções na primeira fase. As três primeiras colocadas de cada chave avançam para a etapa seguinte.

A segunda fase também acontece em grupos, dois grupos são agregados, e formam uma nova chave com seis equipes. Nesta etapa, os resultados da primeira fase são levados em consideração. Portanto, as equipes que estavam no grupo anterior não se enfrentam novamente. Os dois primeiros colocados se garantem nas quartas de final, e a partir daí é mata-mata. O campeão mundial garante vaga nos Jogos Olímpicos de Paris 2024. O Brasil já venceu o campeonato em 2013 e está em busca do bi.

Veja Também