Segunda-feira, 15 de abril de 2024

Seleção brasileira feminina conhece adversários para os Jogos Olímpicos de Paris

O Brasil ficou no Grupo C, ao lado da Espanha Japão e Nigéria ou África do Sul

Postado em: 22-03-2024 às 14h15
Por: Ana Clara de Assis Praxedes
Imagem Ilustrando a Notícia: Seleção brasileira feminina conhece adversários para os Jogos Olímpicos de Paris
A equipe amarelinha caiu no grupo da Espanha, Japão e do vencedor do duelo entre Nigéria e África do Sul (Foto: Leandro Lopes/CBF)

O futebol masculino não conseguiu vaga nas Olimpíadas de Paris 2024, porém, o Brasil será bem representado pela seleção feminina. Faltando 126 dias para a estreia da competição, a equipe brasileira conheceu, nesta quarta-feira (20), suas adversárias na primeira fase dos jogos olímpicos. As 12 equipes foram divididas em três chaves, e o Brasil ficou no Grupo C, ao lado da atual campeã do mundo, Espanha e com o Japão. A última vaga ainda será definida entre Nigéria e África do Sul.

Os outros chaveamentos ficaram da seguinte forma: Grupo A com França, Canadá, Colômbia e Nova Zelândia, e Grupo B com Estados Unidos, Alemanha, Austrália e Zâmbia ou Marrocos. Após os confrontos da primeira fase, avançaram para as quartas de final as duas melhores equipes de cada chave e as duas terceiras colocadas com melhor campanha. O futebol feminino começa no dia 25 de julho, um dia antes da cerimônia de abertura, e terá partidas em sete cidades francesas. A decisão pela medalha de ouro será no dia 10 de agosto, no estádio Parc des Princes, em Paris. 

A equipe brasileira tem a vaga garantida desde 2022, quando venceu a Copa América pela oitava vez na história. Nesta edição das Olimpíadas, o Brasil vai em busca do ouro inédito após bater na trave duas vezes. O time levou a medalha de prata em Atenas 2004 e Pequim 2008. As Guerreiras do Brasil estreiam no dia 25 de julho, e enfrentarão o vencedor de Nigéria e África do Sul nas eliminatórias da África. O segundo jogo será dia 28, contra o Japão, e no dia 31 enfrentará a Espanha.

Continua após a publicidade

O treinador da seleção brasileira, Arthur Elias, afirmou que com os duelos definidos a equipe irá intensificar a preparação. “Agora, com a definição dos grupos, podemos acelerar e qualificar nosso planejamento técnico e logístico. Além disso, seguiremos com a mesma mentalidade, avaliando as atletas da maneira mais ampla possível e aprimorando nossa performance até a torneio. Tenho convicção de que faremos uma Olimpíada com a retomada do futebol feminino brasileiro e que podemos fazer história”. 

Arthur chegou à seleção em setembro do ano passado, após a demissão da técnica sueca Pia Sundhage. Ele assumiu a equipe depois da eliminação precoce na fase de grupos da Copa do Mundo da Austrália, e chegou com foco de reerguer a equipe e melhorá-la para os jogos de Paris. Como preparação, a equipe irá participar da SheBelieves Cup em abril, onde terá oponentes como Canadá, Estados Unidos e Japão. 

Em fevereiro, a equipe conquistou o vice-campeonato da Copa Ouro, após superar Porto Rico, Colômbia, Panamá, Argentina e México, o time perdeu a final por 1 a 0 para os Estados Unidos. Arthur Elias avaliou de forma positiva os dias de trabalho com o elenco. “Durante esse período até aqui, nosso maior ganho está naquilo que as pessoas de fora do grupo não conseguem ver. Acredito que estamos criando um ambiente e mentalidade fundamental na forma de trabalhar, de se relacionar e, principalmente, de jogar, para que a Seleção volte a ter destaque nas competições internacionais”.

Veja Também