Em campo neutro, Goianésia encara o CRB pela primeira fase da Copa do Brasil

Postado em: 27-03-2021 às 09h15
Por: Breno Modesto
Além da classificação à próxima fase, o Goianésia mira a premiação de R$ 675 mil reais que será dada pela CBF ao vencedor do jogo | Foto: Adria Lima/Goianésia EC

Breno Modesto

Ainda sem vencer na temporada de 2021, o Goianésia, atual vice-campeão estadual, entra em campo neste final de semana para fazer sua estreia na Copa do Brasil, competição que não disputava desde 2016, quando caiu para o ABC, na primeira fase. Último representante do Estado de Goiás a entrar em campo, o Azulão do Vale, assim como seu arquirrival Jaraguá, é mais um clube que foi afetado pelo decreto estabelecido pelo governador Ronaldo Caiado, que impede a realização de partidas de futebol em todo o território goiano por duas semanas, que, mesmo como mandante, atuará longe de casa.

O Estádio Giulite Coutinho, na cidade de Mesquita, no interior do Rio de Janeiro, será a casa do time do Vale do São Patrício neste sábado (27), contra o CRB. Para seguir na disputa do torneio nacional, a equipe comandada pelo técnico Luan Carlos terá de vencer os alagoanos. Caso triunfe, o Goianésia receberá uma cota de R$ 675 mil e enfrentará o Paysandu na segunda fase.

Na visão do comandante do Azulão, a maior dificuldade que seus jogadores irão encontrar é o coletivo do alvirrubro, que, de acordo com o próprio Luan Carlos, está junto há algum tempo e é muito forte.

“O CRB é um time que vem tendo uma sequência muito boa de jogos na temporada. Estão jogando o campeonato estadual e a Copa do Nordeste. Eles estão com uma linha de pensamento desde o ano passado, com o mesmo treinador, que é o Roberto Fernandes. Então, o que me preocupa mais é o coletivo do CRB. É um time que se conhece bem, que joga junto há bastante tempo e manteve o mesmo elenco. Então, o coletivo é muito forte”, disse Luan Carlos.

CRB

Após empatar com o Vitória, fora de casa, pela quinta rodada da fase de grupos da Copa do Nordeste, onde poupou sete atletas titulares, o CRB, do técnico Roberto Fernandes, volta suas atenções para a Copa do Brasil.

A única baixa que o comandante terá para o confronto será o volante Wesley, que se recupera de uma lesão no joelho. Carlos Jatobá, que atuou no Atlético-GO, em 2019, é o mais cotado para ocupar a vaga.

Contra os baianos, o zagueiro Diego Ivo deixou o campo no segundo tempo. Mas, ao que tudo indica, ele não preocupa e deve atuar normalmente. Uma dúvida para a partida é de quem será o camisa 1. Contra o Rubro-negro baiano, Diogo Silva foi o titular e atuou bem, o que pode lhe render mais uma oportunidade.

Ficha técnica

Goianésia x CRB

(1ª fase da Copa do Brasil)

Data: 27 de março de 2021

Horário: 15h30

Local: Estádio Giulite Coutinho, em Mesquita (RJ)

Árbitro: Douglas Schwengber Da Silva (RS)

Assistentes: André da Silva Bitencourt (RS) e Tiago Augusto Kappes Diel (RS)

Goianésia: Artur; Caio Acaraú, Márcio Luiz e Anderson Sobral; Dudu, Iran, Bruno Leite, Andrezinho e Elves; Édipo e Du Gaia.

Técnico: Luan Carlos

CRB: Edson Mardden; Reginaldo (Diogo Silva), Gum, Diego Ivo e Guilherme Romão; Claudinei, Jatobá e Diego Torres; Calyson (Luidy ou Dudu), Hiury e Lucão do Break.

Técnico: Roberto Fernandes

Compartilhe: