De olho na liderança, Aparecidense recebe Goianésia, que precisa da vitória para se classificar

Postado em: 22-04-2021 às 08h10
A Aparecidense ainda sonha com a liderança do Grupo B | Foto: Nicolle Mendes/AA Aparecidense

Breno Modesto

Já classificada para as quartas de finais do Campeonato Goiano, a Aparecidense tenta recuperar a liderança do Grupo B, que deixou escapar na última rodada, quando perdeu para o Vila Nova, atual líder da chave, com dois pontos a mais que o Camaleão. Para isso, terá de vencer o Goianésia, hoje, e torcer para que o Tigre não vença o Jaraguá, fora de casa.

Para o técnico Thiago Carvalho, apesar da situação ser adversa ao seu time, as expectativas de seus comandados são boas, pois eles acreditam que o Colorado pode, sim, tropeçar diante do Gavião da Serra.

“As expectativas são muito boas. Queremos vencer, para conseguirmos o maior número de pontos possível para, talvez em uma semifinal, já conquistar uma vaga na próxima edição da Copa do Brasil, que é tão importante para o clube. E também buscamos a liderança. Acreditamos que o Vila Nova pode tropeçar diante do Jaraguá. Mas precisamos fazer o nosso papel para que isso aconteça”, disse Thiago Carvalho.

Goianésia 

Já o Azulão do Vale, que viveu um surto de Covid-19 na última rodada, diante do Goiás, tem o retorno de, pelo menos, três jogadores. O lateral-esquerdo Elves, o volante Fábio Leite e o meia Andrezinho voltam a ficar disponíveis após cumprirem suspensão automática diante do Goiás. Ainda não garantido no mata-mata, o time de Ariel Mamede precisa da vitória diante do Camaleão para não depender de nenhum outro resultado. Em caso de tropeço, terá que torcer para que Iporá e Jaraguá não vençam seus compromissos diante do Esmeraldino e do Colorado, respectivamente.

Ficha técnica
Aparecidense x Goianésia
Data: 22 de abril de 2021
Horário: 15h30
Local: Estádio Anníbal Batista de Toledo, em Aparecida de Goiânia (GO)

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (FIFA)
Assistentes: Bruno Pires (FIFA) e Paulo César Almeida

Aparecidense: Tony; Adriel, Lucas Gazal, Bruno Henrique e Raphael Soares; Diego Lorenzi, Rodriguinho e Albano; Cardoso, Alex Henrique e Robert.
Técnico: Thiago Carvalho

Goianésia: Luan; Bruno Leite, Caio Acaraú, Márcio Luiz e Anderson Sobral; Fábio Leite, Renan, Nael, Andrezinho e Léo Carvalho; Édipo.
Técnico: Ariel Mamede

Por: Breno Modesto
Compartilhe: