Sites do ConecteSUS e do Ministério da Saúde sofrem ataque hacker e saem do ar

Postado em: 10-12-2021 às 09h36
Por: Ícaro Gonçalves
Segundo a mensagem publicada pelos invasores, 50 TB de dados foram copiados e excluídos das plataformas | Imagem: Raphael Bezerra/ Arquivo pessoal

O site do ConecteSUS, responsável pela emissão do Certificado Nacional de Vacinação Covid-19, e do Ministério da Saúde foram alvos de ataque hacker na noite da última quinta-feira (9/12). Usuários que entravam nos sites, ou em seus nos aplicativos, liam uma mensagem dizendo que as plataformas e os dados haviam sido furtados em um tipo de ataque chamado “ransomware”.

Segundo a mensagem publicada pelos invasores, 50 TB de dados foram copiados e excluídos das plataformas. Pouco antes das 7h desta sexta (10), a mensagem foi excluída dos sites, mas eles continuam inacessíveis.

O ataque ransomware é conhecido como um sequestro digital, no qual os hackers sequestram o conteúdo do computador da vítima e cobram um valor em dinheiro pelo resgate, geralmente usando a moeda virtual bitcoin, o que dificulta o rastreamento dos criminosos.

Este tipo de “vírus sequestrador” age codificando os dados do sistema operacional de forma com que o usuário não tenha mais acesso.

Em setembro, um dos sites da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) também sofreu um ataque cibernético. Os hackers trocaram o conteúdo por uma bandeira da Argentina e uma mensagem.

Compartilhe: