Anvisa nega ter recebido solicitação do Ministério da Saúde para uso de autotestes de Covid -19

Postado em: 14-01-2022 às 14h38
Por: Almeida Mariano
O secretário-executivo do Ministério da Saúde, Rodrigo Cruz, justificou que o e-mail à Anvisa com a documentação foi enviado ontem por volta das 19h40 da quinta-feira(13).

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) negou ter recebido do Ministério da Saúde uma solicitação para a liberação do uso de autotestes de covid-19 no Brasil. O Ministério da Saúde havia informado na última quinta (13) que enviou uma nota técnica para a Anvisa para que fosse dado andamento ao processo de análise. Este tipo de teste para a doença ainda não é permitido no país.

Desde o momento em que uma matéria do Ministério da Saúde foi publicada falando do encaminhamento do documento a Anvisa já havia afirmado não ter registrado o recebimento em seu sistema. E na manhã desta sexta-feira (14), a agência reafirmou o não recebimento da nota técnica

“Todos os sistemas da Anvisa foram checados e não registram a chegada do documento. A possibilidade de envio por email também está sendo verificada e até o momento não foi encontrada mensagem do Ministério da Saúde com o referido anexo.Vale ressaltar que todas as trocas de informações e ofícios entre Anvisa e Ministério da Saúde são feitas pelo sistema oficial de envio de documentos, o SEI…A agência está pronta para analisar a proposta do Ministério da Saúde, mas para isso precisa tomar ciência do conteúdo de forma oficial, pelos meios corretos de troca de informações”, disse a Anvisa. 

O secretário-executivo do Ministério da Saúde, Rodrigo Cruz, justificou que o e-mail à Anvisa com a documentação foi enviado ontem por volta das 19h40 da quinta-feira(13), e que a pasta vai encaminhar os documentos novamente, caso seja verificada alguma falha na comunicação.

Compartilhe: