Entenda o caso da argentina que pode ter se curado do HIV pelo seu próprio sistema imunológico

Ainda não é possível identificar como o corpo da mulher foi aparentemente capaz de se curar.

Postado em: 17-11-2021 às 11h16
Por: Victoria Lacerda
Ainda não é possível identificar como o corpo da mulher foi aparentemente capaz de se curar. | Foto: Reprodução/Internet

Na última terça-feira (16/11), pesquisadores americanos e argentinos relataram que encontraram uma paciente que possivelmente se curou do HIV através do próprio sistema imunológico. Os médicos envolvidos na pesquisa ainda não sabem explicar como o corpo humano conseguiu se curar sozinho da infecção. A mulher havia recebido o diagnóstico da doença em 2013 e não tinha iniciado nenhum tratamento antirretroviral até 2019.

O caso foi publicado na revista Anais de Medicina Interna, nela foi explicado que a mulher de 30 anos, moradora da cidade de Esperanza, na Argentina, não foi encontrado o vírus do HIV com genoma intacto. Também foi publicado que a paciente iniciou seu tratamento em 2019, quando engravidou, dando à luz um bebê totalmente saudável e HIV negativo. 

Ainda não é possível identificar como o corpo da mulher foi aparentemente capaz de se curar. Em resposta ao e-mail enviado para a CNN Internacional, o autor do estudo, Dr. Xu Yu, do Ragon Institute of Massachusetts General Hospital, MIT e Harvard, afirmou: “Até agora, uma cura esterilizante para o HIV só foi observada em dois pacientes que receberam um transplante de medula óssea altamente tóxica. Nosso estudo mostra que essa cura também pode ser alcançada durante a infecção natural, na ausência de transplantes de medula óssea (ou qualquer tipo de tratamento)”. 

Veja Também