Terça-feira, 27 de fevereiro de 2024

EUA anunciam exercícios militares na Guiana diante da polêmica da Venezuela

Intervenção militar dos Estados Unidos acontece dias após a Venezuela promover um referendo para anexar a região do Essequibo

Postado em: 08-12-2023 às 08h52
Por: Rondineli Alves de Brito
Imagem Ilustrando a Notícia: EUA anunciam exercícios militares na Guiana diante da polêmica da Venezuela
Intervenção militar dos Estados Unidos acontece dias após a Venezuela promover um referendo para anexar a região do Essequibo | Foto: Reprodução

Nesta quinta-feira (7/12), o governo norte-americano anunciou que aviões militares dos Estados Unidos sobrevoaram a região de Essequibo e o resto da Guiana em exercícios conjuntos com o país sul-americano. 

A intervenção militar dos Estados Unidos acontece dias após a Venezuela promover um referendo no qual os eleitores apoiaram a formação de um novo território em Essequibo. Essa região é maior que estado do Ceará, e encontra-se sob o controle da Guiana, embora o governo de Nicolás Maduro o reivindique como parte de seu país.

Segundo a Embaixada dos Estados Unidos na Guiana, estas manobras em parceria com a Força Aérea guianesa tem como objetivo promover “melhor segurança” para o local. Os dois países têm parceria militar desde 2022.

Continua após a publicidade

Nesta quinta-feira, o secretário de Estado dos Estados Unidos, Antony Blinken, ligou para o presidente guianês, Irfaan Ali, para expressar apoio dos EUA à Guiana. Washington também estuda a construção de uma base militar em Essequibo.

Veja Também