Pros revoga candidatura do goiano Pablo Marçal à presidência

Ala que defende a retirada do candidato é a de Eurípedes Júnior

Postado em: 09-08-2022 às 08h53
Por: Francisco Costa
Ala que defende a retirada do candidato é a de Eurípedes Júnior (Foto: Reprodução/Facebook)

O Pros revogou a candidatura do empresário coach goiano Pablo Marçal da presidência – bem como da vice, Fátima Pérola Negra. Ele, contudo, segue candidato até que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) diga o contrário.

Ainda nesta terça-feira (9), Pablo aparece no site de Divulgação de Candidaturas do TSE. O goiano declarou R$ 16.942.541,15 à Justiça Eleitoral em bens. A solicitação de registro de candidaturas vai até 15 de agosto. Além disso, até 12 de setembro, todos os pedidos e recursos devem ser processados, analisados e julgados pelos tribunais eleitorais competentes.

A ala que defende a retirada da candidatura de Pablo é a de Eurípedes Júnior, que também quer apoiar o ex-presidente Lula (PT). Vale citar, o partido mudou de mãos três vezes nos últimos dias.

Continua após a publicidade

Em 31 de julho, decisão da Justiça devolveu o partido a Eurípedes. Já em 4 de agosto, Marcus Holanda conseguiu reaver a sigla. Um dia depois, entretante, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) entendeu que a legenda retornasse a Eurípedes Júnior.

Até esta quarta-feira (10) o TSE deve decidir como fica a direção do Pros, que está em imbróglio judicial há mais de ano.

Veja Também