Segunda-feira, 15 de abril de 2024

Governo Lula impõe sigilo de 100 anos em 1.339 pedidos via LAI

O petista alega que os documentos de acesso público solicitados contêm dados pessoais.

Postado em: 21-03-2024 às 15h23
Por: Luan Monteiro
Imagem Ilustrando a Notícia: Governo Lula impõe sigilo de 100 anos em 1.339 pedidos via LAI
O petista alega que os documentos de acesso público solicitados contêm dados pessoais. | Foto: Planalto

O governo Lula (PT) impôs sigilo de 100 anos a 1.339 pedidos de informações feitos Lei de Acesso a Informação (LAI) em 2023. O petista alega que os documentos de acesso público solicitados contêm dados pessoais.

O executivo atual negou sete pedidos a mais que o governo antecessor, do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). A gestão Bolsonaro negou 1.332 acessos a documentos sob a mesma justificativa.

A análise foi feita pelo jornal Estadão em parceria com o Datafixers. As informações foram disponibilizadas pela Controladoria-Geral da União (CGU).

Continua após a publicidade

Áreas com sigilo imposto:

  • Casa Civil
  • Exército do Brasil
  • Polícia Rodoviária Federal (PRF)
  • Ministério das Relações Exteriores, o Itamaraty
  • Ministério da Educação (MEC)
  • Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai)

Algumas informações sob sigilo:

  • agenda da primeira-dama, Rosângela da Silva, a Janja
  • textos entre diplomatas sobre o ex-jogador de futebol Robson de Souza, o Robinho, de 40 anos, condenado por estupro coletivo
  • relação de militares do Batalhão de Guarda Presidencial de plantão durante os atos antidemocráticos de 8 de janeiro de 2023

Veja Também