Lula critica “nacionalismo arcaico” em discurso no Mercosul

Presidente disse que nunca se deparou com “tantos desafios”

Postado em: 08-07-2024 às 14h38
Por: Thiago Borges
Imagem Ilustrando a Notícia: Lula critica “nacionalismo arcaico” em discurso no Mercosul
Lula em seu discurso na Cúpula do Mercosul Foto: Reprodução

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) discursou na Cúpula do Mercosul, nesta segunda-feira (8). Em sua fala, o presidente tratou de criticar fortemente o “nacionalismo arcaico e isolacionista”.

Lula disse: “No mundo globalizado, não faz sentido recorrer ao nacionalismo arcaico e isolacionista. Tampouco há justificativa para resgatar as experiências ultraliberais que apenas agravaram as desigualdades em nossa região”. 

O petista – que participa de sua 19ª Cúpula do Mercosul, enquanto presidente do Brasil – ressaltou que “nunca nos deparamos com tantos desafios, seja no âmbito regional, seja em nível global”.

Continua após a publicidade

📱 Clique e siga a comunidade do O Hoje no WhatsApp

O chefe do executivo também tratou de engrandecer o Mercosul. Além disso, o presidente falou em fortalecimento do bloco. “É preciso pensar grande, como nossos antecessores ousaram fazer nesta capital há 33 anos. O Mercosul será o que quisermos que seja. Não nos cabe apequena-lo com propostas simplistas que o debilitam institucionalmente”.  

Ademais, Lula também falou sobre as tentativas de golpes de estado na Bolívia e aproveitou para relembrar as manifestações antidemocráticas que aconteceram no Brasil em 2023. O presidente se referiu aos “falsos democratas” e disse que “enquanto nossa região seguir entre as mais desiguais do mundo, a estabilidade política permanecerá ameaçada”.

Com informações da Agência Brasil

Leia mais:

Petrobras anuncia aumento de R$ 0,20 na gasolina

Fazenda nega mensalidade para alunos de universidades federais

Câmara dos Deputados deve votar reforma tributária nesta semana

Dólar: mercado prevê moeda em R$ 5,20 no final de 2024 

Veja Também