22 de junho de 2018 - sexta-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Cidades
Marginal Botafogo
12/03/2018 | 16h20
Motoristas podem ser multados desrespeitarem novas regras
O tráfego na faixa da esquerda está proibido, bem como a passagem de caminhões e a velocidade máxima também sofreu mudanças e passou a ser de 30 km/h em alguns pontos da via

Após apresentar problemas causados por um temporal no dia atingiu a capital no dia 22 de fevereiro, a Marginal Botafogo vai precisar de muitos reparos. Para isso foram necessárias alterações no transito para que a via passe pelos reparos. Com isso foram colocadas placas ao longo da via para alertar aos motoristas sobre novas regras de tráfego no local.

Entre as mudanças estão à proibição da movimentação de carros nas pistas da esquerda nos dois sentidos da marginal, trechos interditados além de velocidade máxima de 30 km/h em alguns pontos, caminhões e ônibus também estão proibidos de trafegarem. Os condutores que desrespeitarem as novas regras da Marginal Botafogo poderão ser multados a partir desta segunda-feira (12).

“O objetivo é garantir a segurança da via, dos que trafegam nela e dos operários", disse o secretário Municipal de Trânsito, Fernando Santana.

A marginal possui 15 pontos críticos e que necessitam de intervenções. "Nós levantamos com a equipe técnica 15 pontos mais críticos onde temos que intervir de maneira emergencial para fazer obras e dar mais segurança para quem passa pela Marginal", afirmou Santana.

Revitalização

A SMT calcula que passam entre 80 mil e 100 mil carros diariamente na Marginal Botafogo. De acordo com a prefeitura, uma empresa será contratada para uma análise técnica da situação da marginal. O estudo deve custar R$ 1,3 milhão.

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Goiás (Crea-GO) disse que acompanhará a revitalização da via, desde o estudo à execução da obra, prevista para começar no ano que vem. A estimativa é de que o custo total da obra chegue a R$ 35 milhões.

 Foto:Divulgação
Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)