19 de setembro de 2018 - quarta-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Cidades
Fatalidade
29/08/2018 | 14h45
Morre piloto de avião que caiu sobre casa em Goiânia
Acidente aconteceu no último dia 11 de agosto no Setor Vista Bela. Além dele, bebê de 1 ano já havia morrido na queda

O piloto Nehru El-Aouar, de 59 anos, que conduzia um avião de pequeno porte que caiu sobre uma casa, no último dia 11 de agosto em Goiânia, morreu nesta quarta-feira (29). Quem deu a notícia da morte do homem foi Cemya El-Aouar filha dele, por telefone. Ele estava internado desde a queda, ocorrida há 18 dias, no Setor Jardim Vista Bela. No acidente, um bebê já havia morrido e o pai dele, ficado ferido.

Além do piloto, o acidente também fez vítima um bebê, Davi Andrade do Amaral, de 1 ano, que também estava na aeronave, morreu no dia da queda. Ele chegou a ser socorrido por terceiros e levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

O pai de Davi, o mecânico de aeronaves Reginaldo Ernane do Amaral, terceiro ocupante do avião, foi socorrido e encaminhado ao Hugol. A assessoria confirmou que ele segue internado na unidade, mas que a família não autorizou o repasse de informações sobre seu quadro clínico.

Além de pilotar, Nehru era o dono da aeronave, prefixo PU-EFG, categoria experimental. Os bombeiros informaram que ele foi socorrido inconsciente e em estado grave. 

Investigação

A assessoria de imprensa da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informou que a situação da aeronave é regular. O avião pertence à categoria experimental, quando é construído de forma amadora e atende a regras diferentes das utilizadas na aviação comercial.

Ainda de acordo com a Anac, para voar regularmente, o avião experimental precisa apresentar Certificado de Autorização de Voo Experimental (Cave) e Inspeção Anual de Manutenção (IAM).

Uma equipe do Sexto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (SERIPA VI) se deslocou para a capital goiana para fazer a perícia.

A aeronave, ainda conforme a Anac, poderia levar somente o piloto e mais um passageiro.

Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)