13 de novembro de 2018 - terça-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Cidades
Monte Alegre
08/11/2018 | 16h50
Operação do MP flagra prática ilegal de garimpo em Goiás
Ação pretende combater prática de garimpo de ouro clandestino no Rio Paranã

(Foto: divulgação / MPGO)

Da Redação

Durante a operação Oxum, coordenada pelo Ministério Público de Goiás (MP-GO), nesta quinta-feira (8/11), na região calunga do Vão de Almas, município de Monte Alegre de Goiás, foram localizadas balsas de garimpeiros ilegais. Também foram apreendidos material de garimpo e canoas.

A operação, que é coordenada pelos promotores de Justiça Bernardo Frayha e Douglas Chegury, pretende combater a prática de garimpo de ouro clandestino no Rio Paranã. Na religião iorubá, Oxum é um orixá que reina sobre a água doce dos rios.

A ação prossegue com o objetivo de localizar outras balsas, identificar e prender os garimpeiros e, ainda, constatar crimes ambientais graves, como o emprego de mercúrio para separação do metal precioso. O mercúrio contamina a água e os peixes, podendo causar câncer. Além disto, segundo apontam os promotores, a extração do cascalho do fundo do rio causa o assoreamento e diminuição da profundidade da calha do rio.

 
Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)