Coluna

Anselmo Pereira pede “tranquilidade” sobre escândalos na Câmara

Publicado por: Yago Sales | Postado em: 23 de maio de 2022

Reportagem do jornal O Hoje sobre venda de diplomas falsos por servidora do vereador Kleybe Morais (MDB) repercutiu tanto nas redes sociais quanto por alguns veículos de imprensa de Goiânia. O que chama a atenção é a habilidade de Kleybe de desviar da responsabilidade do que ocorre no próprio gabinete, do qual é vereador desde 2017. Investigado pelo Ministério Público e pela Polícia Federal, o parlamentar, porta-voz da igreja católica na Câmara de Goiânia, prefere o silêncio à resposta não apenas aos 4.062 eleitores que o colocaram em um dos cargos mais importantes da democracia, mas também aos goianienses que pagam impostos para financiar seu mandato. Nenhum procedimento foi aberto pela Comissão de Ética da Câmara Municipal, presidida pelo vereador Anselmo Pereira (MDB). O vereador, no 10° mandato, quase 40 anos no cargo, em entrevista ao repórter Felipe Cardoso escorregou em perguntas sobre o caso do vereador e pediu que todos “fiquem tranquilos”. E, ainda, desvencilhou-se sobre outro escândalo revelado pelo jornal O Hoje ano passado e que, como presidente da Comissão, nada fez. Trata-se dos servidores fantasmas e prática de rachadinha no gabinete 18 do vereador Paulo Henrique da Farmácia (PTC).

Bom lembrar

Além de investigação do jornal, que identificou fantasmas, fontes foram ouvidas e revelaram que havia um esquema de rachadinha no gabinete, ou seja, quando comissionados são obrigados a devolver parte do salário. Os envolvidos não foram exonerados tanto no gabinete de Paulo Henrique quanto no de Kleybe Morais.

SOS

Sem dúvidas, o problema da gestão de Rogério Cruz que mais impacta a vida do goianiense é a condução da pasta da Saúde pelo secretário Durval Ferreira Fonseca Pedroso.

Queixa

Quem precisa de atendimento não espera menos de duas horas em qualquer um dos Cais da capital. A reclamação é comum e a SMS tem sempre um argumento pronto: grande demanda. Em nota sobre a demora na sexta-feira especificamente no Cais Campinas, a pasta argumenta que “está com credenciamento aberto para contratação de mais profissionais e que disponibiliza consultas pediátricas nas unidades básicas de saúde, que podem resolver os casos mais simples”.

O milagre de Lázaro

Depois de encabeçar a equipe de matou a tiros Lázaro – o criminoso que movimentou o Brasil ano passado – o Coronel Edson, que participa de podcasts e até escreveu um livro sobre o assunto, pode ser candidato pelo partido União Brasil, do governador Ronaldo Caiado.

Agenda

O ministro da Educação, Victor Godoy, participou neste domingo (22/5) do primeiro dia de compromissos no Fórum Mundial da Educação 2022, em Londres, no Reino Unido.

Fato

Como antecipado pela coluna Xadrez, o STF anulou a condenação do ex-governador do DF, José Roberto Arruda. A decisão de André Mendonça ocorreu no âmbito de operação que investigou falsificação de recibos de panetones.

Curta

Cercado de representantes do agronegócio, Lissauer Viera (PSD) sinaliza pré-candidatura ao Senado.

Compartilhe: