Coluna

Governo isenta aposentados do pagamento de contribuição previdenciária

Publicado por: Venceslau Pimentel | Postado em: 17 de novembro de 2021

Com renúncia fiscal anual prevista de R$ 90,89 milhões, começou a tramitar na Assembleia Legislativa a proposta de emenda à Constituição de iniciativa do governador Ronaldo Caiado (DEM) que isenta aposentados e pensionistas do pagamento da alíquota previdenciária de 14,25% que ganham até R$ 3 mi, e de um salário-mínimo quando houver déficit atuarial no Regime Próprio de Previdência Social. Para a compensação do déficit apurado pela GOIASPREV, a Secretaria da Economia vai utilizar recursos apurados com a venda da Celg-T, que após desconto dos encargos, o valor chega a R$ 1,62 bilhão. 

Intromissão 

O deputado federal Lucas Vergílio (SD) circulou ontem pelo plenário da Alego, depois de criticar em suas redes sociais um parlamentar que estaria apoiando a chapa de oposição no Sindicato dos Corretores de Seguro. Mas o seu pai, Armando Vergílio, cita Francisco Júnior (PSD), para quem seria um estranho à categoria. 

Mutirão  

Assessor especial da governadoria, o presidente do DEM em Goiânia, Lívio Luciano, é um dos coordenadores do Mutirão que leva o nome de Iris Rezende, e o primeiro acontece neste sábado, na região Noroeste da capital. 

Apoio  

Ex-membro da base aliada na Alego, o deputado Paulo Trabalho (PSL) rasgou elogios à secretária da Economia, Cristiane Schmidt, por ter dado aval a projeto de sua autoria que isenta de ICMS medicamentos contra atrofia muscular espinhal. 

Impositivas  

Com 1,2% da receita tributária liquida da prefeitura de Goiânia destinada ao atendimento de emendas impositivas para execução no orçamento de 2022, o assunto foi discutido em reunião coordenada pela secretária de Relações Institucionais, Valéria Pettersen. 

Embate  

Quem entrou no circuito pelo comando do PL em Goiás foi a deputada federal Magda Mofatto, depois do movimento do Major Vitor Hugo (PSL) para presidir a sigla. A briga promete, já que os dois são bolsonaristas de carteirinha.  

Pra 2022 

É consenso no PT a pré-candidatura do ex-reitor da PUC Goiás, Wolmir Amado, ao governo de Goiás para 2022, como forma dar palanque a Lula no Estado. Em 2018, o partido conseguiu 9,16% dos votos válidos, na quarta posição. 

Bicudos  

Para aparar arestas deixada pelo racha na bancada do MDB, na reeleição do presidente da Câmara de Aparecida, André Fortaleza, o prefeito interino Vilmar Mariano tratou de reunir os vereadores para apaziguar o partido. O estremecimento ainda continua. 

No STF  

Em decisão tomada ontem, o STF limitou a uma vez a reeleição de deputados ao mesmo cargo da Mesa Diretora da Alego, e não há impedimento para que o parlamentar seja reconduzido à Mesa por mais de uma vez, desde que em outro cargo. 

CURTAS – Depois de conhecer projeto de incentivo a startups, na Espanha, o prefeito de Anápolis, Roberto Naves (PP), diz que se trata de uma boa ideia para implantar algo semelhante na cidade, no Centro de Empreendedorismo, Inovação e Tecnologia. 

Compartilhe: