Coluna

Governo quer iniciativa privada no Parque do João Leite para turismo

Publicado por: Yago Sales | Postado em: 15 de abril de 2022

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) marcou para a próxima segunda-feira uma audiência pública que pode modificar o “status quo” do Parque Estadual do João Leite à exploração, pela iniciativa privada, como área para o turismo. A Xadrez ouviu especialistas que temem pelas consequências caso o projeto siga em frente. Para eles, o lago, por exemplo, criado para fornecer água limpa e potável aos goianienses, pode sofrer com poluição. Há riscos de o ambiente ser frequentado por turistas, banhistas e usuários de jet-ski. Além dos problemas hídricos, há preocupação com a segurança das pessoas, sugerindo riscos de violência e afogamento. Ainda sem saber como contrapor à proposta, um ambientalista afirma que órgãos, como Ministério Público, “devem agir com rigor”. 

O que diz a Saneago

O órgão afirma à Xadrez que estudos têm sido feitos para “avaliar possibilidades de uso contemplativo no Reservatório do Ribeirão João Leite”. A Saneago diz, ainda que, de qualquer forma, “não houve um parecer final”. A Semad confirmou a audiência pública.

Qua!

Contrariando a expectativa do ex-juiz e  ex-superministro de Jair Bolsonaro, Sérgio Moro, Luciano Bivar é o candidato da União Brasil à Presidência da República. 

GPS na contramão 

O que sobra a Moro é a chance de disputar, por São Paulo, uma vaga à Câmara Federal. Recém-filiado ao UB, Moro havia se filiado ao Podemos sob a promessa de ser lançado à Presidência, mas os planos também  foram frustrados lá. 

Simbolismo

O presidente da Alego, Lissauer Vieira, aparece segurando – privilegiadíssimo – o cantinho do cartão do programa “Pra Ter Onde Morar – Aluguel Social” da gestão de Ronaldo Caiado (UB), ao lado do presidente da Agehab, Pedro Sales. 

Benefício

Lissauer esteve em Itaberaí, entregando o benefício do programa do para famílias em vulnerabilidade e sustenta a defesa de seu partido, PSD, de lançá-lo, na chapa de Caiado, à única vaga ao Senado.  

E agora?

Problema: O que Caiado vai fazer com Alexandre Baldy (PP), Luiz do Carmo (PSC), João Campos (Republicanos) e o Delegado Waldir (UB). 

Terto no CNJ

O advogado Marcello Terto e Silva depois de aprovado pelo Senado, foi reconduzido ao Conselho Nacional de Justiça na vaga destinada ao Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil. Marcello é piauiense, advogado especializado em direito público, processo civil também na Procuradoria Geral do Estado de Goiás.

Curta

Depois de viagra, prótese peniana, picanha, as Forças Armadas se envolvem em mais uma compra polêmica: R$37 mil em gel lubrificante. 

Compartilhe: