Coluna

Irapuan rejeita críticas da oposição contra Segurança Pública

Publicado por: Sheyla Sousa | Postado em: 24 de julho de 2018

O secretário estadual de Segurança Pública, ex-governador
Irapuan Costa Junior, rebate críticas feitas pelos pré-candidatos da oposição
ao governo de Goiás, destacadamente o deputado federal Daniel Vilela (MDB) e o
senador Ronaldo Caiado (DEM). Os dois condenam constantemente o salário
oferecido para solados e policiais civis de terceira classe, selecionados nos
últimos concursos realizados pelo governo, além da falta de estrutura nas
unidades policiais. “Isso foi algo ocorreu no passado em concursos feitos de
forma clara, em que todos os concorrentes sabiam do salário, que foi
complementado posteriormente. O governo segue de perto para minimizar esta
distância entre policiais através e horas extras, vale refeição e outras
medidas”, afirma o auxiliar. Questionado pela Xadrez se o discurso da oposição
perde embasamento, Irapuan cita: “todo discurso tem embasamento. Frase do
filósofo Herbert Spencer diz: há um fundamento de bondade mesmo nas coisas más,
como há um fundamento de verdade mesmo nas coisas falsas”, ironiza.

Conexão ideal

A Câmara dos Deputados analisa projeto de Decreto
Legislativo, do deputado Celso Russomanno (PRB-SP), que acaba com a permissão de
provedores de internet reduzir a velocidade de conexão no horário de maior
tráfego.

Índices

Resolução da Anatel define que, no período de maior tráfego,
as provedoras devem ofertar velocidade média de conexão de 80% da velocidade
máxima contratada e uma velocidade instantânea de 40%.

Marina recebe doações

A pré-candidata à presidência da República, Marina
Silva (Rede), atingiu a meta prévia de R$ 100 mil arrecadados por meio de uma
vaquinha online. A ex-senadora publicou nas redes sociais que conseguiu atingir
o objetivo em apenas cinco dias de arrecadação aberta pela internet. O
procedimento é uma tentativa de driblar a legislação eleitoral que proibiu, em
2015, o financiamento por empresas de campanhas. “Estou muito feliz com os
resultados da nossa mobilização. Conseguimos alcançar a meta no financiamento
coletivo em menos de uma semana. É assim que vamos equilibrar essa disputa!
Vamos seguir mobilizados, ajude doando para a nossa campanha”, publicou Marina
em seu perfil no Instagram. A pré-candidata faz referência direta à
consolidação da aliança entre o tucano Geraldo Alckmin e o Centrão, que
deixaram o grupo do PSDB com ampla margem sobre os concorrentes no tempo de
propaganda no Rádio e TV, além dos recursos do fundo eleitoral. Pela vaquinha,
é possível doar valores de R$ 20 até R$ 1.060.

CURTAS

Deslocamento
Nesta primeira etapa, Marina Silva afirma que o objetivo da vaquinha é custear
as viagens da campanha. O próximo passo é combater as fake news. 

Doação online – Até
agora, o líder do ranking da vaquinha online é o ex-presidente Lula (PT), que
arrecadou R$ 400 mil. João Amoêdo (Novo) é o segundo com R$ 280 mil.

Lançamento – José
Eliton participar, no dia 1º de agosto, do pré-lançamento da 28ª Conferência
Anprotec de Empreendedorismo e Ambientes de Inovação.

Extraordinárias

Deputados estaduais atenderão à convocação do Tribunal de
Justiça de Goiás e realizarão sessões extraordinárias na Assembleia Legislativa
a partir desta quarta-feira (25), às 10h.

Em pauta

Dois projetos do TJGO serão votados. O primeiro já está na
Alego e prevê reestruturação, com criação de 33 varas e seis cargos de
desembargador. O texto precisa ser aprovado e sancionado até 1º de agosto para
valer a partir de 2019.

Novidade

A segunda matéria em análise foi encaminhada ontem ao
Legislativo. O projeto estabelece que magistrados tenham direito ao quinquênio:
licença-prêmio com duração de três meses a cada cinco anos de trabalho.

Propostas

O deputado federal Daniel Vilela, pré-candidato pelo MDB, já
percorre o interior de Goiás com o plano de governo em mãos. O emedebista
apresenta nos eventos os sete pilares do programa e debate ações de
desenvolvimento.

Restrição eleitoral

O Ministério Público Eleitoral reiterou recomendação ao
governador José Eliton (PSDB) para não realize eventos de entrega de cartões do
programa Renda Cidadã. A primeira orientação foi dada em abril, mas o MP aponta
evidências de descumprimento.

No norte

O MP Eleitoral constatou descumprimento dos termos da
recomendação no último dia 7 de julho, na cidade de Uruaçu, quando um evento de
distribuição de cartões do programa teve discursos e participações ativas de
pré-candidatos.

 

Compartilhe: