Polícia Civil de Goiás identifica extração ilegal de madeira para fabricação de carvão, em Morrinhos

Árvores estavam sendo derrubadas e transformadas em carvão para, posteriormente, serem comercializadas na região

Postado em: 28-09-2021 às 15h23
Por: Maria Paula Borges
Árvores estavam sendo derrubadas e transformadas em carvão para, posteriormente, serem comercializadas na região | Foto: Divulgação/PCGO

A Polícia Civil de Goiás (PCGO) através da Delegacia de Polícia (DP) de Morrinhos, identificou, durante diligências na última segunda-feira (27/09), uma área em que as árvores derrubadas estavam sendo transformadas em carvão, comercializado na região. Após denúncias anônimas, a equipe encontrou a propriedade rural na região Jardim da Luz. No local, foi possível verificar que as atividades de extração de madeira eram ilegais.

As diligências contaram com apoio de fiscais municipais do meio ambiente e constataram que uma área de mata de preservação permanente estava sendo desmatada, e a madeira de lei captada era destinada à produção ilegal de carvão. Após constatação dos danos ambientais, foi instaurado um inquérito policial, e todos aqueles que estão envolvidos na atividade, assim que forem identificados, serão indiciados com base na Lei de Crimes Ambientais.

Veja Também