Alunas passam mal após comerem brigadeiro de maconha em escola de Anápolis

A jovem que levou os brigadeiros é menor de idade e teria oferecido o doce para outras três colegas

Postado em: 10-11-2022 às 17h17
Por: Ana Bárbara Quêtto
Imagem Ilustrando a Notícia: Alunas passam mal após comerem brigadeiro de maconha em escola de Anápolis
A jovem que levou os brigadeiros é menor de idade e teria oferecido o doce para outras três colegas | Foto: Reprodução

Algo inusitado aconteceu em uma escola pública de Anápolis nesta quinta-feira (10/11). Alunas da rede municipal passaram mal após comerem um brigadeiro feito com maconha, popularmente conhecido como “brisadeiro“.

A suspeita é de que o produto tenha sido levado para a unidade de ensino por uma das estudantes do Colégio Estadual Genoveva Rezende. A jovem que levou os brigadeiros é menor de idade e teria oferecido o doce para outras três colegas, que não se sentiram bem após ingerir a droga.

A Polícia Militar de Goiás (PMGO) foi acionada para atender a ocorrência. No centro de ensino, a corporação escutou as envolvidas e encaminhou a estudante que levou o doce para a Central de Flagrantes.

Continua após a publicidade

Leia também: Dupla que matou vendedor de consórcios por suspeita de golpe foi indiciada, em Goiânia; um homem segue foragido

Já as colegas que passaram mal, de 15 e 16 anos, foram encaminhadas a uma unidade de saúde. A escola, assim como a Secretaria de Estado da Educação de Goiás (Seduc-GO) não se pronunciaram sobre o caso.

Veja Também