Funcionário que se queimou em sala modular morre, em Goiânia

Homem teve queimadura de 35% do corpo e estava há quatro dias internado no Hugol; ele estava instalando piso em escola municipal – Foto: Reprodução.

Postado em: 17-01-2020 às 18h45
Por: Nielton Soares
Homem teve queimadura de 35% do corpo e estava há quatro dias internado no Hugol; ele estava instalando piso em escola municipal – Foto: Reprodução.

Nielton Soares

Um funcionário de uma empresa terceirizada
morreu nesta sexta-feira (17). Ele sofreu queimaduras após uma explosão dentro de uma
sala modular na Escola Municipal Alda das Neves, no Parque das Laranjeiras, em Goiânia,
quando instalava o piso, na segunda (13).

Paulo Costa Araújo ficou com 35%
de queimaduras no corpo e estava internando há quatro dias na Unidade de
Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de
Siqueira (Hugol).

Continua após a publicidade

Por nota, o hospital afirmou que “apesar
de todos os esforços e procedimentos da equipe multidisciplinar da unidade
hospitalar, o paciente foi a óbito”, na tarde desta sexta.

Já a Secretaria Municipal de
Educação e Esporte (SME), também por comunicado, comentou que está acompanhando
o caso e lamentou “o ocorrido e presta suas mais sinceras condolências aos
familiares”.

 

Veja Também