Primeiro ator negro a ganhar o Oscar, Sidney Poitier morre aos 94 anos

Postado em: 07-01-2022 às 15h03
Por: Giovana Andrade
Primeiro astro afro-americano de Hollywood fez história no cinema ao ser indicado ao Oscar de 1958 e ganhar na categoria de Oscar de Melhor Ator em 1964. | Foto: Reprodução

Considerado o primeiro astro afro-americano de Hollywood, morreu nesta sexta-feira (7/1), aos 94 anos, o ator Sidney Poitier. A informação foi confirmada pelo ministro das Relações Exteriores das Bahamas à imprensa americana, mas causa e local não foram informados.

Primeiro intérprete negro a ganhar o Oscar de Melhor Ator, Poitier foi premiado por seu trabalho em “Lírios do Campo”, em 1964. No longa, ele encontra um grupo de freiras que acreditam que seu personagem, um “faz-tudo”, foi enviado por Deus para construir uma nova capela.

Em 1958, estrelou ao lado de Tony Curtis em “Acorrentados”, interpretando prisioneiros fugitivos. O filme foi um sucesso comercial e de crítica e rendeu indicações para Poitier e Curtis ao Oscar e um aceno de Melhor Filme para a produção. Foi a primeira vez que um artista negro concorreu à categoria de Melhor Ator.

O ator também é conhecido pelos filmes “Ao Mestre, com Carinho”, “Adivinhe Quem vem para Jantar” e “No Calor da Noite”, todos lançados em 1967. Como diretor, Poitier trabalhou com seu amigo Harry Belafonte e Bill Cosby em “Aconteceu num Sábado”, de 1974, e Richard Pryor e Gene Wilder em “Loucos de Dar Nó”, de 1980.

Para ser conhecido e aceito pelo grande público em papéis importantes, o astro do cinema lutou contra a pobreza, o analfabetismo e o preconceito. Poitier foi uma voz pelos direitos civis na década de 1960, e seu trabalho chegou a ser reconhecido por Martin Luther King Jr, após ajudar a organizar a Marcha em Washington em 1964, famosa pelo discurso “Eu tenho um sonho”.

Além disso, também foi Embaixador das Bahamas no Japão entre os anos de 1997 e 2007.

Poitier, que era um dos últimos astros vivos da Era de Ouro de Hollywood, foi homenageado pela Academia em 2002, recebendo o Oscar pelo Conjunto da Obra, por sua contribuição ao cinema. Sua última aparição no Oscar foi em 2014, quando apresentou o prêmio de Melhor Diretor ao lado de Angelina Jolie. Na ocasião, o ator foi ovacionado de pé pelos presentes.

Sidney Poitier chega à 86ª Cerimônia do Oscar, em 2014 — Foto: Reprodução/REUTERS
Compartilhe: