Quarta-feira, 31 de maio de 2023

Mulher sofre reação alérgica após alongamento de unhas com gel

Lisa Dewey, de 36 anos, sofreu uma reação alérgica ao alongamento de unhas com gel, ficando impossibilitada de usar as mãos, no Reino Unido.

Postado em: 08-05-2023 às 16h13
Por: Julia Kuramoto
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Lisa Dewey, de 36 anos, sofreu uma reação alérgica ao alongamento de unhas com gel, ficando impossibilitada de usar as mãos, no Reino Unido. Lisa contou ao Daily Mail que fazia o alongamento regularmente há anos e nunca houve um problema. Porém, em fevereiro, sentiu uma coceira intensa nos dedos, após a manicure, que inflamaram, e percebeu que suas unhas estavam descamando e desprendendo dos dedos.

“Foi uma surpresa. Eu fiquei com medo de perder um dedo quando percebi que estava tudo roxo ao redor da unha. Tive medo de que estivesse sem oxigênio”, disse a faxineira do Serviço Nacional de Saúde do Reino Unido.

Desse modo, seu dermatologista diagnosticou inicialmente como uma infecção bacteriana, receitando uma pomada esteroide e antibióticos. Entretanto, em abril, após uma nova tentativa de colocar unhas de acrílico, Lisa ficou novamente com os dedos irritados, fazendo acreditar que tem uma alergia ao procedimento.

Continua após a publicidade

A mulher conta que as unhas se soltaram mais uma vez, e que a pele ao redor novamente descamou. A dor era tão intensa que mal conseguia mexer as mãos.

“É embaraçoso ter mãos assim. Isso abalou muito minha confiança. Normalmente não me importo com o que as pessoas pensam de mim, mas agora escondo minhas mãos”, afirma.

Aumento de reações alérgicas

A Associação Britânica de Dermatologistas (BAD, em inglês), fez um alerta em relação às reações alérgicas relacionadas a procedimentos de manicure após o aumento do número de registros no país.

Dessa forma, os dermatologistas estão preocupados com manicures mal treinadas, bem como kits de esmaltes em gel caseiros. Quando os produtos químicos do esmalte em gel como os metacrilatos não secam de forma correta, podem vazar a entrar em contato com a pele.

Nessa situação, pode vir a ocorrer a sensibilização aos produtos químicos, desenvolvendo-se, então, alergias.

“Isso é muito provável quando as próprias pessoas aplicam um produto ou se o técnico de unhas não recebeu treinamento suficiente”, afirmam.

Ademais, os médicos alertam que a alergia aos metacrilatos podem ter consequências ao longo da vida. Isso deve-se devido ao produto químico e semelhantes serem usados em procedimentos odontológicos, ortopédicos e no tratamento para diabetes, por exemplo.

“Muitas pessoas desconhecem as possíveis implicações médicas e odontológicas se ficarem sensibilizadas com os metacrilatos de unhas”, afirma a BAD.

Leia também:

Veja Também