Mais de R$1,3 bilhão foi investido na Integração do Rio São Francisco, 2019

Este será o maior empreendimento hídrico do país, diz MDR - Foto: Divulgação Ministério do Desenvolvimento Regional

Postado em: 03-01-2020 às 16h05
Por: Redação
Este será o maior empreendimento hídrico do país, diz MDR - Foto: Divulgação Ministério do Desenvolvimento Regional

Igor Afonso

O Projeto de Integração do Rio São Francisco recebeu mais de
R$1,3 bilhão em investimentos por parte do Ministério do Desenvolvimento
Regional (MDR), em 2019.

Os recursos foram concentrados principalmente na recuperação
de etapas que já apresentavam 100% de execução física, mas que exigiram
intervenções e reparos no sistema, como o Dique Negreiros, no Eixo Norte, e da
Barragem Cacimba Nova, no Eixo Leste, com objetivo de avançar na conclusão das
obras, sendo este o maior empreendimento hídrico em construção no país.

Continua após a publicidade

“Felizmente, as águas do ‘Velho Chico’ voltaram a percorrer
os trechos e estão seguindo rumo aos estados que serão contemplados nos dois
eixos – Norte e Leste”, disse o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo
Canuto, ao fazer um balanço das ações realizadas no âmbito do projeto, no ano
passado.

O Eixo Norte já está 97% concluído e levará a água do São
Francisco para os estados de Pernambuco, do Ceará, da Paraíba e do Rio Grande do
Norte. No ano passado, o trecho recebeu R$356,9 milhões do MDR e as águas do
rio avançaram, pela primeira vez, em direção ao reservatório Negreiros, em
Salgueiro (PE).

Já no Eixo Leste, os investimentos somaram R$ 77,3 milhões
no ano passado. Destinaram-se à execução de serviços complementares de
engenharia consultiva, programas ambientais e recuperação de estruturas. 46
municípios são abastecidos pelo Eixo Leste desde 2017, quando as obras foram
finalizadas. 12 deles em Pernambuco e 34 na Paraíba.

Em 2019, o Governo Federal garantiu a continuidade do
abastecimento dessas localidades. Com objetivo de manter a segurança da
população que mora às margens dos canais e da estrutura, foi realizado
inspeções e análises na Barragem Cacimba Nova, em Pernambuco.

Outros recursos foram investidos também, na recuperação de
reservatórios estratégicos para o empreendimento. As barragens de Curema (PB),
Lima Campos (CE), Poço da Cruz (PE), São Gonçalo (PB), Poções (PB), Barra do
Juá (PE) e Armando Ribeiro Gonçalves (RN), receberam R$43 milhões.

Em todo o ano de 2019, o MDR investiu mais de R$ 2 bilhões
em obras e ações que vão garantir a segurança hídrica da população no país.

 

Veja Também