Neymar pode ser preso e ficar fora da Copa do Mundo; entenda caso

Neymar passará por julgamento processual 1 mês antes da Copa

Postado em: 27-07-2022 às 14h32
Por: Lorenzo Barreto
Neymar passará por julgamento processual 1 mês antes da Copa. | Foto: Reprodução

Segundo o jornal ‘El País’, um pouco mais de 1 mês da copa, Neymar passará por julgamento processual no qual o jogador, seus pais e ex-presidentes do Barcelona e do Santos são acusados de fraude e corrupção. O Mundial de 2022 começa em 21 de novembro.

Na publicação, a promotoria considera que Neymar e seu staff assinaram em 2011, “contratos simulados com o Barça, ignorando que os direitos do jogador pertenciam ao Santos e à DIS, grupo de empresários”. Por conta desse motivo, pedem dois anos de prisão e um pagamento de multa de 10 milhões de Euros (R$54 milhões) ao camisa 10 da seleção brasileira – o pedido da DIS é de cinco anos de prisão para o atleta, além da proibição de exercer a profissão pelo mesmo período.

O julgamento será realizado na Corte Provincial de Barcelona, mas deve ser concluído até 31 de outubro. Neymar e os outros acusados já entraram com recurso, que foi negado pelo Tribunal Superior da Espanha. O pai de Neymar, a mãe do atleta e a empresa da família, a N&N, também foram acusados no caso, juntamente com o ex-presidente do Santos Odílio Rodrigues, e com Sandro Rosell e Josep Maria Bartomeu, então presidente e vice-presidente do Barcelona.

Veja Também