Quarta-feira, 28 de fevereiro de 2024

7 Livros da autora de “Como eu era antes de você”

Jojo Moyes já ganhou o Prêmio Romance do Ano duas vezes

Postado em: 07-12-2023 às 14h48
Por: Maria Gabriela Pimenta
Imagem Ilustrando a Notícia: 7 Livros da autora de “Como eu era antes de você”
Livros de romance da autora de Como eu era antes de você | Foto: Instrinseca

O bestseller da autora Jojo Moyes, Como eu era antes de você, fez um sucesso estrondoso, tanto que o livro ganhou uma adaptação para o cinema no mesmo ano do seu lançamento, em 2016. Assim como a obra original, o filme cativou milhares de fãs ao redor do mundo, encantados com o seu enredo cativante, romântico, dramático e gostoso de acompanhar.

Como eu era antes de você conta a história de um casal improvável: uma moça modesta, Louisa Clark, no longa interpretada pela rainha dos dragões, Emilia Clarke, que é contratada para cuidar do Will (Sam Claflin), um jovem tetraplégico, depressivo e cínico. O final… sem comentários, não é mesmo?

E foi em homenagem a você, leitora apaixonada, que essa lista foi elaborada. Títulos mega relevantes que transmitem bem a narrativa única e enredos emocionantes encontrados nas páginas dos livros de Jojo Moyes.

Continua após a publicidade

Livros da autora de “Como eu era antes de você”:

1 – Um passo de sorte (2023)

Sam não diria que está no melhor momento da sua vida, mas é grata pelo que tem, como seu emprego — que parece estar por um fio — e sua família, ainda que praticamente carregue todos nas costas. Ela sabe que basta um dia ruim para que tudo vá pelos ares — só espera muito que esse dia não seja aquele com reuniões tão importantes pela frente…

Nisha tem tudo com que sempre sonhou, e muito mais: um casamento com um homem incrivelmente rico, viagens internacionais, roupas de marca… Mas, agora que seu marido quer se divorciar, está prestes a perder tudo isso.

Os caminhos de Sam e Nisha, duas mulheres completamente diferentes, nunca deveriam ter se cruzado, mas esse encontro vai mudar a vida de ambas para sempre. E o motivo não poderia ser mais estranho: um par de sapatos Louboutin.

Com uma história dinâmica e cheia de reviravoltas, Um passo de sorte traz não apenas uma Jojo Moyes mais divertida do que nunca, como também um enredo emocionante sobre como as amizades — por mais improváveis que sejam — podem fazer toda a diferença na nossa vida.

2 – Um caminho para a liberdade (2019)

Em uma época em que não seguir os costumes e a religião era transgressão gravíssima, o caminho de um grupo de mulheres se cruza de maneira inesperada. A década de 1930 está chegando ao fim, e, em uma pequena cidade do interior dos Estados Unidos, a ideia de que as moças administrem uma biblioteca itinerante desafia o status quo.

Com o compromisso de levar livros para os moradores mais pobres da região, Margery, Alice, Beth, Sophia e Izzy aceitam trabalhar na biblioteca. E à medida que enfrentam inúmeras dificuldades, como aprender a cavalgar, percorrer rotas de difícil acesso e suportar o preconceito dos mais conservadores, elas fortalecem o laço que as une e descobrem mais sobre si mesmas. Em pouco tempo, toda a cidade se volta contra o grupo, colocando em risco a sobrevivência do projeto. E as mulheres vão se perguntar mais uma vez se o poder das palavras será suficiente para salvá-las.

Inspirado em uma história real, Um caminho para a liberdade fala de lealdade, independência e justiça. Com uma trama envolvente e emocionante, Jojo Moyes faz o leitor refletir sobre as redes de apoio e amizade entre mulheres e como é preciso ir além dos nossos — supostos — limites. Afinal, conquistar a liberdade nunca é fácil.

3 – Um mais um (2017)

As coisas andam ruins para Jess Thomas. Muito ruins. O marido se mandou. Ela tenta sustentar os dois filhos trabalhando em dois empregos. Sempre foi otimista. Sempre fez tudo certo. Como seria se, só uma vez, ela fizesse algo definitivamente errado, mas que poderia fazer toda a diferença para eles?

Ed Nicholls é um milionário do ramo da tecnologia cuja vida está desmoronando quando ele se depara com Jess e a família na beira da estrada. Em um ato de generosidade (talvez o primeiro de sua vida), ele concorda em lhes dar a carona que poderá mudar para sempre a história de Jess. Tem início então uma viagem engraçada e romântica, repleta de enjoos, comida ruim e engarrafamentos.

Em Um mais um os opostos se atraem e duas pessoas ferozmente independentes aprendem que é possível encontrar o amor nos lugares mais improváveis. Jojo Moyes mostra seu melhor nesse livro envolvente e emocionante.

4 – Paris para um e outros contos (2017)

Nessa vibrante coletânea, o leitor poderá conhecer mais um lado da autora. Em histórias curtas e divertidas, Jojo, sem deixar de lado as personagens decididas que conquistaram o público, faz sua conhecida mágica de transformar situações comuns em eventos extraordinários.

No conto que dá título ao livro, a jovem Nell planeja um final de semana romântico em Paris com o namorado e fica sabendo, já na estação, que ele desistiu de acompanhá-la. Sozinha em um país estrangeiro, Nell descobre uma nova versão de si mesma, independente e corajosa.

Outros contos incluem um assalto a uma joalheria com uma reviravolta amorosa, a história de uma mulher que passa um dia inteiro com os sapatos de outra pessoa e um shopping lotado de pessoas fazendo compras de Natal que vai revelar a uma esposa estressada o que de fato importa na vida.

E em “Lua de mel em Paris”, que fecha a coletânea, Jojo Moyes brinda os leitores com um reencontro com as personagens do best-seller A garota que você deixou para trás, Liv e Sophie, que, separadas por algumas décadas, acreditam que o casamento é apenas o início de suas histórias de amor.

Dez pequenas amostras da saborosa escrita de Jojo Moyes, divertidas, autênticas e irresistíveis – você vai ler e se encantar.

5 – O som do amor (2016)

Matt e Laura McCarthy são obcecados pela ideia de herdar a Casa Espanhola – uma construção malcuidada e quase em ruínas no condado de Norfolk, interior da Inglaterra, que tem um valor simbólico para os moradores locais. Para atingir esse objetivo, Laura, a mando do marido, faz todas as vontades do velho Sr. Pottisworth, o proprietário. Entretanto, como o homem nunca deixou nada por escrito, quem acaba por herdar a casa é uma parente distante, Isabel Delancey.

Primeiro violino na Orquestra Sinfônica Municipal, em Londres, Isabel tinha uma vida tranquila com seus dois filhos e o marido, mas tudo virou de cabeça para baixo quando ele morreu em um acidente de carro e deixou uma grande dívida. Sua única oportunidade de recomeço é fincar moradia na Casa Espanhola – algo que o casal McCarthy vai tentar impedir a qualquer custo.

O som do amor é um romance sobre obsessão, manipulação, segredos e paixões. Por meio de personagens carismáticos e capazes de tudo para realizar seus objetivos, Jojo Moyes mantém seu estilo inconfundível em uma brilhante história de recomeços.

6 – O navio das noivas (2016)

Austrália, 1946. É terminada a Segunda Guerra Mundial, chega o momento de retomar a vida e apostar novamente no amor. Mais de seiscentas mulheres embarcam em um navio para encontrar os soldados ingleses com quem se casaram durante o conflito.

Em Sydney, Austrália, quatro mulheres com personalidades fortes partem em uma extraordinária viagem a bordo do HMS Victoria, um porta-aviões que as levará, junto de outras noivas, armas, aeronaves e mil oficiais da Marinha, até a distante Inglaterra. As regras no navio são rígidas, mas o destino que reuniu todos ali, homens e mulheres atravessando mares, será implacável ao entrelaçar e modificar para sempre suas vidas.

Com personagens únicas e uma narrativa tocante, Jojo Moyes conta uma história inesquecível que captura perfeitamente o espírito romântico e de aventura desse período da História, destacando a bravura de inúmeras mulheres que arriscaram tudo em busca de um sonho.

O navio das noivas foi inspirado na história da avó da autora, que fez a mesma travessia relatada no romance para reencontrar o marido no período pós-guerra, e cada capítulo traz citações não ficcionais de esposas e oficiais que viajaram nesses navios.

7 – A última carta de amor (2016)

Londres, 1960. Ao acordar em um hospital após um acidente de carro, Jennifer Stirling não consegue se lembrar de nada. De volta a sua casa com o marido, ela tenta, em vão, recuperar a memória da antiga vida. Por mais que todos ao seu redor pareçam atenciosos e amáveis, Jennifer sente que alguma coisa está faltando. É então que ela descobre uma série de cartas de amor escondidas, endereçadas a ela e assinadas apenas por “B”, e percebe que não só estava vivendo um romance fora do casamento como também parecia disposta a arriscar tudo para ficar com o amante.

Quatro décadas depois, a jornalista Ellie Haworth encontra uma dessas cartas endereçadas a Jennifer durante uma pesquisa nos arquivos do jornal em que trabalha. Obcecada pela ideia de reunir os protagonistas desse amor proibido – em parte por estar ela mesma envolvida com um homem casado -, Ellie começa a procurar por “B”, e nem desconfia que, ao fazer isso, talvez encontre uma solução para os problemas do seu próprio relacionamento.

Com personagens realisticamente complexos e uma trama bem-elaborada, A última carta de amor, primeiro livro de Jojo Moyes publicado pela Intrínseca, entrelaça as histórias de paixão, adultério e perda de Ellie e Jennifer.

Leia também:

Veja Também