Terça-feira, 20 de fevereiro de 2024

Israel aprova cessar-fogo na Faixa de Gaza

Decisão ocorreu após diversas reuniões entre o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, e outras autoridades israelenses

Postado em: 22-11-2023 às 07h53
Por: Francisco Costa
Imagem Ilustrando a Notícia: Israel aprova cessar-fogo na Faixa de Gaza
Decisão ocorreu após diversas reuniões entre o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, e outras autoridades israelenses (Foto: Unicef)

Israel aprovou acordo de cessar-fogo com o Hamas, na terça-feira (21). O entendimento determina a liberação de reféns detidos pelo grupo na Faixa de Gaza.

A decisão ocorreu após diversas reuniões entre o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, e outras autoridades israelenses. Inicialmente, o Hamas deve liberar aproximadamente 50 mulheres e crianças de Israel detidas em Gaza.

Enquanto isso, o governo israelense deverá soltar 150 prisioneiros palestinos, a maioria mulheres e menores, em um cessar-fogo de 4 dias. A resolução, afirmou a CNN, teve aprovação de “maioria significativa” do Gabinete de Guerra de Israel. A votação durou 6 horas.

Continua após a publicidade

De acordo com a resolução, será permitido entrar 300 caminhões de ajuda em Gaza todos os dias. Estes virão do Egito. Além disso, está autorizada a entrada de mais combustível ao território.

Já na segunda fase do acordo, o Hamas deverá libertar mais reféns pela manutenção do cessar-fogo de Israel. Acredita-se que 240 pessoas estejam presas – a maior parte israelense – desde o começo o conflito.

LEIA MAIS:

Manifestação de comunidade palestina em Goiânia pede cessar-fogo em Gaza

Veja Também