Inauguração do Viaduto Iris Rezende é novamente adiada

De acordo com a Seinfra, será “necessário dias a mais para a conclusão completa do complexo do viaduto da perimetral com todo o seu entorno”

Postado em: 31-05-2022 às 06h00
Por: Rodrigo Melo
De acordo com a Seinfra, será “necessário dias a mais para a conclusão completa do complexo do viaduto da perimetral com todo o seu entorno” | Foto: Rodrigo Melo

Prevista para ser inaugurado hoje (31/5), a entrega do Viaduto Iris Rezende, que leva o nome do ex-governador de Goiás, foi novamente adiada. A obra fica na Região Norte de Goiânia, entre o cruzamento das avenidas Goiás e Perimetral Norte, no Setor Urias Magalhães, e faz parte do corredor BRT Norte-Sul.

Há sete meses, a entrega de parte do trecho II do corredor BRT Norte-Sul, que tem aproximadamente cinco quilômetros entre o Terminal Recanto do Bosque e o Terminal da Rodoviária, estava prevista para o dia 24 de outubro, aniversário de Goiânia. No entanto, a cabeceira do viaduto sofreu um rebaixamento 12 dias antes, o que levou a gestão municipal a decidir prorrogar a inauguração.

Sobre o novo adiamento, a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinfra) informou ao O Hoje que o Consórcio BRT Norte-Sul iniciou os serviços da saída que vai para a Avenida Perimetral ontem (23). Após isso, com previsão inicial de nove dias de execução, quando começou a escavação, os engenheiros perceberam que “a umidade do material está muito elevada, fazendo com que a atividade de regularização de subleito – que necessita da umidade ótima, conforme normas – demorasse mais que o previsto inicial”.

Continua após a publicidade

Por essa razão, serão “necessários dias a mais para a conclusão completa do complexo do viaduto da perimetral com todo o seu entorno”. A data para que a obra seja concluída foi remarcada para o dia 31, sem a finalização da alça de acesso à Avenida Perimetral Norte. Somente no dia 9 de junho estará “pronto para liberação total do tráfego, com sinalização”, concluiu a nota da Seinfra.

Obra

O trecho II do BRT-Norte-Sul, que compreende a região do Terminal Recanto do Bosque ao Terminal Isidória, no Setor Pedro Ludovico, teve início das obras em junho de 2015, sete anos atrás.

O corredor tem 13 mil metros quadrados e está em uso parcial com linhas de ônibus convencionais, além de área de manobras, plataforma dos ônibus, pátio de estacionamento e o Terminal Rodoviária. O espaço conta com uma área de cobertura de 5 mil m², com 2.300 m2 de área de plataforma, para ônibus comuns e para os veículos do BRT.

O corredor do BRT é exclusivo para os ônibus, mas no elevado poderão transitar não só os do transporte coletivo como também os veículos particulares. Nesse espaço, os motoristas e motociclistas vão encontrar em ambos os sentidos seis pistas, sendo duas exclusivas para o BRT. (Especial para O Hoje)

Veja Também