Preço da gasolina pode atingir mesmo valor de junho de 2021, diz Petrobas

Hoje o valor médio é R$ 5,74. Com o desconto, portanto, poderia cair para até R$ 5,63

Postado em: 01-08-2022 às 11h35
Por: Mariana Fernandes
No levantamento são analisados mais de 5 mil postos | Foto: Reprodução/ Freepik

O preço médio da gasolina no Brasil pode voltar ao mesmo patamar de junho de 2021, nesta semana. A nova redução aplicada pela Petrobras na venda do combustível às distribuidoras será de R $0,15 por litro.

A variação nos postos de gasolina pode chegar a R $0,11 por litro, devido a conta proporcional à mistura com etanol. O cálculo é feito pela própria Petrobras.

Em um levantamento feito por uma empresa contratada pela Agência Nacional do Petróleo (ANP), que fotografa as placas, foi divulgado na última sexta-feira (29), que o valor médio do combustível estava em R$5,74. No levantamento são analisados mais de 5 mil postos. 

Continua após a publicidade

De acordo com a metodologia da ANP, “a frequência da coleta é semanal e, como regra geral, os preços à vista são coletados nos três primeiros dias úteis de cada semana com envio por meio eletrônico dos resultados”.

Significando que não foi possível captar ainda as variações de preço depois do desconto, no dia anterior. Se o valor for aplicado, ao menos parcialmente, o desconto pode fazer com que os preços sejam similares a junho do ano passado. 

Hoje o valor médio é R$ 5,74. Com o desconto, portanto, poderia cair para até R$ 5,63. Em junho de 2021, a média mensal do litro da gasolina comum era de R$ 5,68.

A queda comparada em um patamar de 13 meses, pode ser uma combinação entre a isenção de impostos e reduções da Petrobas sob a gestão do novo presidente, Caio Mario Paes de Andrade. Um dos fatores que contribuiu para a escalada dos preços nos últimos meses foi a Guerra na Ucrânia, que pressionou o preço do barril de petróleo no mercado internacional.

Leia também: Ministro da Saúde anuncia antiviral para tratar varíola dos macacos

Veja Também