Governo Federal anuncia retorno de cruzeiros e dá sinal verde para a temporada 2021/2022

Próxima etapa consiste no detalhamento e definição dos protocolos sanitários pela Anvisa

Postado em: 04-10-2021 às 17h46
Por: Maria Paula Borges
Próxima etapa consiste no detalhamento e definição dos protocolos sanitários pela Anvisa | Foto: Reprodução

O Governo Federal anunciou o retorno dos cruzeiros à costa brasileira e que dá sinal verde para a temporada 2021/2022. O anunciou feito no último sábado (02/10), se faz possível pela aprovação do Ministério da Saúde, Justiça, Infraestrutura, Turismo e Casa Civil. Entretanto, para concretizar o projeto é preciso que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) detalhe e defina os protocolos sanitários que deverão ser seguidos, o anúncio deve ser feito em breve.

A expectativa é que os cruzeiros voltem a navegar pelas águas brasileiras entre novembro de 2021 e abril de 2022, possibilitando que brasileiros se juntem às mais de 2 milhões de pessoas que já navegam pelo mundo.

Entre as principais medidas adotadas que provavelmente serão definidas pela Anvisa estão testes de Covid-19 pré-embarque com triagem rigorosa, tripulantes vacinados com três testes antes de entrar em serviço e quarentena, uso de máscaras, distanciamento social, ocupação reduzida, ar fresco sem recirculação e higienização constante. Além disso, outra medida importante é que as excursões seguirão os protocolos das Companhias Marítimas e dos municípios, para que os hóspedes desfrutem do passeio com segurança.

Continua após a publicidade

Segundo o presidente da Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo (Embratur), Carlos Brito, a agência já estava acompanhando a necessidade da demanda e o serviço é essencial para desenvolver o turismo. “Já há algum tempo a Embratur vem acompanhando a necessidade dessa demanda. O setor do turismo de cruzeiros é essencial para o desenvolvimento do turismo náutico e da nossa atividade como um todo. A notícia nos deixa muito felizes. Congratulamos com todos os parceiros mais essa vitória”, finalizou

Estão previstas sete embarcações para a temporada 2021/2022, com a maior oferta dos últimos quatro anos sendo 566 mil leitos. Além disso, estão previstos cerca de 130 roteiros e 570 escaladas em destinos nacionais procurados pelos brasileiros como Angra dos Reis, Balneário Camboriú, Cabo Frio, Búzios, Fortaleza, entre outros.

Veja Também