Ação de sustentabilidade vai zerar o uso de copos descartáveis na Agência Brasil Central

Os colaboradores vão receber copos de louça para uso exclusivo no ambiente de trabalho, que utiliza em média 2 mil copos plásticos por dia

Postado em: 25-10-2021 às 15h07
Por: Alexandre Paes
Os colaboradores vão receber copos de louça para uso exclusivo no ambiente de trabalho, que utiliza em média 2 mil copos plásticos por dia | Foto: Reprodução

A Agência Brasil Central lança a campanha Selo Verde ABC nesta terça-feira (26/10. A campanha tem como intuito a preservação ambiental, diminuindo o uso de objetos plásticos, ou seja, colocar um fim no uso de copos descartáveis utilizados pelos servidores no dia a dia. De acordo com o presidente, Reginaldo Júnior, a iniciativa faz parte do conjunto de ações voltadas à modernização da gestão, abrangendo também o respeito ao meio ambiente.

A Campanha Selo Verde ABC prevê economia de aproximadamente 2 mil copos plásticos por dia, o que corresponde a mais de meio milhão de unidades por ano. Eles serão substituídos por copos de louça (tipo canecas), identificadas com as logomarcas de todos os veículos da ABC e ainda a logo do Governo de Goiás. Elas serão distribuídas gratuitamente para cerca de 400 servidores e estagiários que atuam na sede da Agência. “São copos de boa qualidade, que devem ser usados individualmente, sempre no ambiente de trabalho”, explicou Reginaldo Júnior.

O presidente da Agência reforçou que a medida segue orientação do governador Ronaldo Caiado, que prioriza a gestão moderna, transparente e principalmente focada na otimização dos recursos públicos. A campanha terá um significativo impacto financeiro, decorrente da eliminação das despesas com a compra de copos plásticos.

Continua após a publicidade

Ação contínua

As medidas de sustentabilidade e preservação ambiental na atual gestão da ABC são rotineiras. Folhas de papel usadas em documentos impressos e com outras finalidades, quando podem ser descartadas, são reutilizadas na confecção de pequenos blocos de rascunho nas diversas unidades da Agência. Também os descartes de papéis do órgão, especialmente da área gráfica, são triturados e destinados à reciclagem.

Outro ponto fundamental de preservação da natureza são os cuidados desenvolvidos na área onde ficam as sedes da Agência Brasil Central e da Secretaria Estadual de Saúde. A área abriga centenas de árvores ornamentais e frutíferas que proporcionam sombra, alimentos para os pássaros e amenizam o calor. Destacam-se também os jardins, gramados e canteiros de flores que, mesmo no período seco do ano, permanecem verdes. “Temos um espaço muito aprazível, amplo e belo, o qual precisamos cuidar com muita atenção”, conclui Reginaldo.

Veja Também