Após investigações, Globo decide ‘arquivar’ denúncia de assédio sexual contra Marcus Melhem

Postado em: 19-01-2022 às 10h44
Por: Igor Afonso
De acordo com o MP, até agora, nove mulheres prestaram depoimento e oito testemunharam contra o diretor | Foto: Reprodução

Após mais de um ano de investigações, o departamento de “compliance” da Globo arquivou a denúncia de assédio sexual e moral que Dani Calabresa fez contra o ator e ex-diretor de humor, Marcius Melhem.

A decisão foi tomada porque o departamento concluiu não ter conseguido confirmar a autenticidade das denúncias. Após o caso ganhar repercussão, Melhem processou Calabresa por danos morais, calúnia e difamação. A atriz decidiu não acionar a Justiça inicialmente, mas depois acabou movendo uma ação proibindo-o de divulgar mensagens pessoais trocadas entre eles.

Até o momento, o que existe é uma apuração sigilosa do Ministério Público para verificar a necessidade de investigação e maiores providências sobre o caso. De acordo com o MP, até agora, nove mulheres prestaram depoimento e oito testemunharam contra o diretor.

Na época das denúncias de Dani Calabresa, outras dez mulheres se dispuseram a denunciar Melhem por assédio sexual dentro da emissora, porém, destas somente uma atriz, que teve um caso de dois anos com o diretor, fez queixa de assédio sexual. Após investigações, o “compliance” da empresa entendeu não haver assédio sexual.

Compartilhe: