Patrick atua com mais liberdade no Goiás

Volante em 2015, jogador ganha destaque no meio-campo alviverde. Prova disso é que já marcou dois gols

Postado em: 13-02-2016 às 00h00
Por: Redação
Volante em 2015, jogador ganha destaque no meio-campo alviverde. Prova disso é que já marcou dois gols

Felipe Bonfim

Quando o Goiás entra em campo, a maioria dos olhares está voltada para o meia Daniel Carvalho. Com a pompa de maior contratação do clube para a temporada, o jogador é alvo das atenções dos torcedores esmeraldinos, que nutrem esperança de uma boa temporada sob a batuta de Daniel. Mas é em uma faixa de campo pouco mais à esquerda que outro meia, aos poucos, ganha destaque na equipe alviverde.

Volante em 2015, Patrick agora atua com mais liberdade em campo e se firma como um dos pilares do técnico Enderson Moreira na criação ofensiva das jogadas. Neste ano, em quatro partidas, já foram dois gols marcados com a camisa alviverde – na última temporada marcou apenas um, ainda pelo Caxias, na disputa do Campeonato Gaúcho. A mudança de posição orquestrada pelo treinador dá maior poder de ataque à equipe, mas sem perder força na marcação.

Continua após a publicidade

“Nós vamos avaliando as características do jogador durante cada trabalho. O Patrick sempre foi um atleta de muita ofensividade, que chegava à frente. Nós conseguimos colocá-lo em uma situação em que ele está mais próximo do gol, ele consegue dar estabilidade ao time e, ao mesmo tempo, mantém a ofensividade. Nós sempre temos um jogador a mais no meio-campo”, disse Enderson.

Esta, inclusive, não é a primeira vez que o comandante esmeraldino altera a posição de um atleta no Goiás. Em 2013, durante sua primeira passagem pelo clube, Enderson Moreira fez o caminho inverso e recuou o meia David para atuar como volante. Com o primeiro turno perto do fim, o treinador se mostra satisfeito a mudança e o desempenho de Patrick até aqui.

“O que nós fizemos recuando o David, fizemos agora adiantando o Patrick. É questão de observar e sempre contar com a abertura do atleta em fazer essa nova função. Sem ele se restringir por sempre ter jogado de outra forma. Acho que ele está bem adaptado, tem feito bons jogos e tem uma participação efetiva na construção das jogadas”, avaliou.

Reforçado

Enderson Moreira comandou trabalho tático na tarde de ontem, no CT Edmo Pinheiro, e deu sinais de que deve promover duas alterações na equipe do Goiás em relação à que foi derrotada pelo Goianésia na última quarta-feira. Expulso diante da Anapolina, o atacante Raphael Lucas cumpriu suspensão e retoma a condição de titular. O meia Daniel Carvalho, poupado na rodada anterior, também reaparece entre os onze. O atacante Edson Júnior e o meia Wagner são sacados do time.

“O retorno do Daniel e do Raphael é claro que nos deixa fortalecidos ofensivamente. Temos poucas opções e quando a gente utiliza os reservas ficamos com alternativas no banco. São dois jogadores acostumados ao que a gente tem passado e que vão nos ajudar a fazer um bom jogo”, concluiu Enderson.

Dessa forma, o Goiás entra em campo no clássico contra o Atlético, amanhã, no Estádio Serra Dourada, com Renan; Sueliton, Wesley Matos, David Duarte e Juninho; Wendel, William, Carlos Eduardo, Daniel Carvalho e Patrick; Raphael Lucas.  

Veja Também