Atlético acerta patrocínio para os dois próximos anos

A empresa de apostas esportivas está investindo no mercado brasileiro após a aprovação da lei 13.756/18 - Foto: Divulgação

Postado em: 13-01-2020 às 18h35
Por: Raphael Bezerra
A empresa de apostas esportivas está investindo no mercado brasileiro após a aprovação da lei 13.756/18 - Foto: Divulgação

Felipe André

Além das duas contratações que movimentaram o dia e a
eliminação na Copa São Paulo, o Atlético Goianiense acertou o seu novo
patrocínio máster. Após a saída da Caixa Econômica, o clube estava com o espaço
no peito vazio, mas que agora será ocupado pelo estadium.bet, empresa de
apostas esportivas que está investindo no mercado brasileiro após a aprovação
da lei 13.756/18, decorrente da Medida Provisória 846/2018, que permite
patrocínio de sites de apostas esportivas no Brasil.

“Escolhemos o Atlético-GO por acreditar na organização no
trabalho da diretoria e prometemos que vai haver várias promoções de sorteios
ingressos, camisas, etc, já que a ideia é interagir com o torcedor e ajudar
cada dia mais o clube com participação dos torcedores”, disse Kani Altug, CEO
da empresa ao Games Magazine Brasil.

Continua após a publicidade

Sem revelar os valores, mas com dois anos de contrato, o
dinheiro deve ser investido na reforma do estádio Antonio Accioly. O clube
goiano pretende mandar cerca de 80% de seus jogos como mandante no “Castelo do
Dragão” e o restante no Serra Dourada, como quando enfrentar o Flamengo,
Corinthians, São Paulo e Palmeiras.

“É um patrocínio importante, com valores de Série A. Nós
estávamos com essa conversa desde outubro e graças a Deus conseguimos o acesso.
É um patrocínio muito importante para as obras do nosso estádio, que possamos
jogar lá na Série A. Foi um grande acontecimento, assinamos o contrato e agora
o estadium será o patrocinador máster do Atlético”, ressaltou Adson Batista,
presidente do rubro-negro goiano.

Entre as obras, além da estrutura necessária
para o VAR, o clube precisa chegar ao menos a capacidade de 12 mil pessoas,
para atender o pedido da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Além do
público, o Atlético precisa melhorar a sua iluminação, já que com a nova norma
da confederação, é necessário no mínimo 800 lux de intensidade.  

Veja Também