Shakira completa 45 anos e mostra o poder da ginga colombiana em uma carreira de mais de trinta anos

‘Beautiful Liar’, parceria com a Beyoncé, com uma mistura do estilo latino com a influência R&B é seu terceiro maior sucesso

Postado em: 03-02-2022 às 09h54
Por: Lanna Oliveira
‘Beautiful Liar’, parceria com a Beyoncé, com uma mistura do estilo latino com a influência R&B é seu terceiro maior sucesso | Foto: Reprodução

Considerada pacata por alguns, eu diria que a cantora Shakira está mais para reservada, característica pouco vista no mundo artístico. Para além de uma personalidade discreta, a artista construiu uma carreira sólida de 32 anos e conquistou o mundo com sua ginga. Uma das representantes da chamada explosão latina dos anos 1990 nos Estados Unidos, principal mercado da música mundial. Ela completou essa semana 45 anos de vida e o Essência a homenageia relembrando os pontos altos de sua trajetória. 

Nascida e criada em Barranquilla, a cantora colombiana Shakira é um dos principais nomes da música mundial. Ela tem em seu curriculo sucessos como ‘ Hips Don’t Lie’, ‘Inevitable’, ‘Whenever, Wherever’, ‘Estoy Aquí’, entre outros. Desde as canções mais intimistas dos anos 90 até os hits atuais que não deixam ninguém ficar parado, a artista continua a surpreender. Inovadora e inventiva, a colombiana continua a agradar ao público e segue provando que é possível manter o sucesso, mesmo depois de anos de estrada.

Mais conhecida como ‘A Rainha da Música Latina’, Shakira é uma cantora, compositora, dançarina e multi-instrumentista, além de atuar regularmente como produtora, empresária, coreógrafa, atriz, e modelo. Ela é também filantropa e embaixadora da Boa Vontade da Unicef colombiana. A nomeação para o posto veio em 2003, quando tinha apenas 26 anos, mas ela já se mostrava interessada em contribuir de alguma forma com o seu País. “A Unicef fez um tremendo trabalho no meu País, eu vi a diferença que ela faz”, disse na época, em 2003.

Continua após a publicidade

Com um estilo próprio, a cantora faz parte do movimento que deu notoriedade nos anos 1990 para os latino-americanos no mercado musical mundial. Rompendo barreiras ao lado de nomes como Ricky Martin e Jennifer Lopez, Shakira ganhou fama com o álbum ‘Pies Descalzos’ em 1995, que vendeu cerca de 5 milhões em todo o mundo e ficou em no terceiro lugar no Latin Pop Albums. Por conta da repercussão e da sua primeira indicação ao Grammy, Shakira recebeu um convite da MTV e tornou-se a primeira latina a ter um acústico transmitido nos Estados Unidos.

O crossover mais bem sucedido da história é o álbum ‘Laundry Service’ de 2001, da Shakira, que vendeu cerca de 20 milhões de cópias em todo o mundo e o single de estreia ‘Whenever Wherever’ se tornou a música mais vendida do ano. Este foi o pontapé inicial para a turnê mundial da colombiana entre 2002 e 2003, passando por mais de 20 países nas Américas e na Europa. Analisando esse cenário hoje, é nítido como essa movimentação da cantora abriu portas para artistas de sucesso como Anitta, Maluma, J Balvin, entre outros.

Destaques em sua carreira

O Ecad fez um levantamento das músicas da Shakira com mais destaque no Brasil. ‘Chantaje’ parceria com o cantor Maluma, foi a mais tocada no País nos últimos cinco anos. Aliás, a segunda colocada desse ranking também é com o artista colombiano, ‘Clandestino’. A terceira posição ficou com ‘Me enamoré’, uma composição de Shakira com Rayito. A cantora tem 125 músicas e 575 gravações cadastradas na instituição, e as músicas autorais da colombiana mais gravadas até agora foram ‘Inevitable’ e ‘Can’t remember to forget you’, com 10 gravações cada uma.

A nível mundial, podemos dar destaque para diversas músicas da artista, mas escolhemos três que são, inegavelmente, um sucesso. A primeira, ‘Hips Don’t Lie’, dominou o verão de 2006 e é sem dúvidas a música mais conhecida de Shakira. Ela manteve o primeiro lugar na parada ‘Billboard Hot 100’ por cinco semanas e é sua canção mais vendida e transmitida até hoje. A melodia de mistura de gêneros conta com hip-hop, batidas latinas e reggae, na qual Shakira canta ao lado do rapper Wyclef Jean. 

‘Waka Waka’ também é um marco em sua carreira, em 2010 ela foi o hino oficial da Copa do Mundo da FIFA. A música rapidamente ganhou um disco de platina e uma década depois, ela ainda é listada como o “hino da Copa do Mundo de maior sucesso”, e a Billboard consagrou Shakira como “a rainha da Copa do Mundo”. ‘Beautiful Liar’ também merece ser lembrada, parceira com a rainha Beyoncé. A música foi uma combinação perfeita do estilo latino de Shakira com a influência R&B de Beyoncé e ganhou o MTV Video Music Awards na categoria Melhor Colaboração, em 2007.

Veja Também