EUA está “considerando seriamente” incluir Rússia em lista de países terroristas

A declaração foi dada pela embaixadora do país na Ucrânia, Bridget Brink, em entrevista a uma rádio local.

Postado em: 25-07-2022 às 12h20
Por: Luan Monteiro
A declaração foi dada pela embaixadora do país na Ucrânia, Bridget Brink, em entrevista a uma rádio local. | Foto: Reprodução

Os Estados Unidos (EUA), está “considerando seriamente” incluir a Rússia na lista de países que financiam terrorismo. A declaração foi dada pela embaixadora do país na Ucrânia, Bridget Brink, em entrevista a uma rádio local.

Segundo Brink, a questão requer uma análise cuidadosa de acordo com as leis americanas. Ela acrescentou que os EUA continuarão responsabilizando a Rússia por suas ações na Ucrânia.

Brink observou que, juntamente com parceiros e aliados de todo o mundo, os Estados Unidos impuseram sanções, “sem precedentes” em seu alcance e profundidade, e continuarão a fazê-lo no futuro. Ela enfatizou que a Rússia foi cortada do financiamento por instituições financeiras internacionais, impedida de usar fundos congelados de seu Banco Central para pagar a dívida pública.

Continua após a publicidade

Washington usa todos os meios disponíveis que seriam aplicados a qualquer país patrocinador do terrorismo, segundo a embaixadora. No entanto, a questão de anunciar tal designação também é levada a sério.

Conforme relatado pelo Ukrinform, a presidente da Câmara dos Deputados dos EUA, Nancy Pelosi, apoiou o apelo da Ucrânia ao Congresso para reconhecer a Rússia como um estado patrocinador do terrorismo e chamou o presidente do país, Vladmir Putin, de covarde.

Veja Também