Bolsonaro critica uso da linguagem neutra na Argentina

"No que isso ajuda o seu povo? A única mudança provocada é que agora há 'desabastecimente', 'pobreze' e 'desempregue'", escreveu no Twitter

Postado em: 03-08-2022 às 08h46
Por: Francisco Costa
"No que isso ajuda o seu povo? A única mudança provocada é que agora há 'desabastecimente', 'pobreze' e 'desempregue'", escreveu no Twitter (Foto: Reprodução)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) utilizou o Twitter para criticar o uso da linguagem neutra (quando troca por X, E ou @ o fim de algumas palavras) na Argentina. Vale citar, em resolução de 28 de julho, o país autorizou o uso oficial da comunicação não sexista e inclusiva em documentos, registros, atos e mais.

Bolsonaro, então, afirmou que a medida não ajuda o povo argentino. “Lamento a oficialização do uso da ‘linguagem neutra’ pela Argentina. No que isso ajuda o seu povo? A única mudança provocada é que agora há ‘desabastecimente’, ‘pobreze’ e ‘desempregue’. Que Deus proteja os nossos irmãos argentinos e os ajude a sair dessa difícil situação”, escreveu.

Ainda segundo ele, no Brasil a esquerda tenta destruir símbolos nacionais [provavelmente se referindo a linguagem], desrespeitando a cultura e tradições do País. “Respeito se conquista com caráter, com trabalho, com valores, não com essas baboseiras.”

Continua após a publicidade

“Boa sorte a quem acredita que essas são as pautas mais importantes para um povo. Meu compromisso é o de seguir reduzindo a violência, criando um ambiente propício à geração de empregos, acelerando o crescimento da nossa economia e defendendo os valores sagrados da nossa pátria”, conclui.

Veja Também