Domingo, 15 de setembro de 2019
GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

Política

Panelaços contra o Governo marcam pronunciamento de Bolsonaro na tevê

Postado em: 24-08-2019 às 14h20
O presidente falou à nação acerca das queimadas na Amazônia Legal e se comprometeu em disponibilizar aos estados as Forças Armadas para combater os incêndios. Foto: divulgação.

Nielton Soares

Durante pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro, na noite de ontem (23), em cadeia nacional de rádio e televisão, manifestantes de diversas cidades brasileiras bateram panelas. O presidente anunciou medidas de combate aos incêndios e ao desmatamento na Amazônia. Segundo ele, está autorizada a atuação das Forças Armadas na região, para isso, basta a solicitação dos governadores. 

Bolsonaro declarou também que os incêndios florestais ocorrem em outras partes do mundo e não podem gerar sanções de outros países. “O Brasil continuará sendo, como foi até hoje, um país amigo de todos e responsável pela proteção de sua Floresta Amazônica", justificou. Para o presidente, as queimadas das últimas semanas estão na média dos últimos 15 anos, mas que o governo não está satisfeito e vai atuar para conter os focos de incêndio, se comprometendo com o combate à criminalidade, inclusive na área ambiental

Já o decreto que autoriza o uso das Forças Armadas, abrange as regiões de fronteira, terras indígenas, unidades federais de conservação ambiental e outras áreas da Amazônia Legal.  Governadores de Roraima e Rondônia foram os primeiros a pedir a ação dos militares federais nos territórios. 

Manifestações e panelaços 

Mais cedo, milhares de pessoas saíram às ruas das principais cidades do país para protestar contra o Governo Federal. Outras manifestações em defesa da Amazônia estão agendadas para acontece na tarde deste sábado (24).

Já os panelaços aconteceram durante a veiculação do pronunciamento de Bolsanaro. Vídeos nas redes sociais mostram populares batendo panelas em cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Santa Catarina, Para e Paraná. 

O episódio relembra os inúmeros panelaços nos últimos momentos da ex-presidente Dilma Rousseff no Palácio do Planalto, antes do impeachment, quando houve algumas aparições oficiais dela em cadeia nacional de rádio e televisão. 

Pronunciamento na íntegra

JAIR BOLSONARO

Boa noite. Dirijo-me a todos para tratar da nossa Amazônia, que, nas últimas semanas, tem atraído crescente atenção do Brasil e do mundo. A floresta amazônica é parte essencial da nossa história, do nosso território e de tudo que nos faz sentir ser brasileiro

Nossas riquezas são incalculáveis tanto em matéria de biodiversidade quanto de recursos naturais. Devido à minha formação militar e à minha trajetória como homem público, tenho profundo amor e respeito pela Amazônia.

A proteção da floresta é nosso dever. Estamos cientes disso e atuando para combater o desmatamento ilegal e quaisquer outras atividades criminosas que coloquem a nossa Amazônia em risco. 

 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar