Produção de veículos tem queda acentuada de 29,3%

O percentual, que faz correlação com janeiro de 2015, foi divulgado ontem pela Anfavea, que atribui o fato à crise econômica

Postado em: 05-02-2016 às 00h00
Por: Redação
O percentual, que faz correlação com janeiro de 2015, foi divulgado ontem pela Anfavea, que atribui o fato à crise econômica

Aprodução de veículos no Brasil caiu 29,3% em janeiro, em relação ao mesmo mês de 2015, segundo números divulgados ontem pela Anfavea, a associação que representa as montadoras. No total, foram fabricados em janeiro 145,1 mil unidades frente aos 205,3 mil produzidos no mesmo mês do ano passado.

– Em termos de produção, no mês de janeiro, voltamos ao nível de 2003. O estoque nas concessionárias ao final de janeiro estava em 254 mil unidades, o equivalente a 49 dias de venda. É um estoque bastante alto e o nível de produção deve continuar sendo ajustado – disse Luiz Moan, presidente da Anfavea.

Em relação a dezembro de 2015, quando foram fabricados 142,8 mil unidades, houve um aumento de 1,6% na produção em janeiro deste ano.

Continua após a publicidade

No quesito licenciamentos, a Anfavea contabilizou uma queda de 38,8% em relação a janeiro de 2015 e uma retração de 31,8% em relação ao último mês de 2015.

O presidente Moan afirmou ainda que, dos 129,4 mil trabalhadores de montadoras, 6.300 estavam em lay-off (com os contratos de trabalho suspensos) no fim de janeiro e outros 35.600 estavam no Programa de Proteção do Emprego (PPE), criado pelo governo para evitar demissões.

– Ou seja, em janeiro 41.900 trabalhadores estavam em lay-off ou PPE, refletindo o excedente de pessoal. As montadoras estão dando férias coletivas, licenças remuneradas e boa parte não vai fabricar durante a semana de carnaval para ajustar a produção — disse Moan.

Para este ano, a Anfavea mantém a previsão de crescimento de 0,5% na produção de veículos. Para os licenciamentos, a expectativa é de queda de 7,3% e para as exportações, de uma alta de 8,1%. (AG) 

Veja Também