Ibope/TV Anhanguera aponta Vanderlan na cola de Iris

Pesquisa indica ascensão do candidato do PSB e estagnação de Iris Rezende

Postado em: 17-09-2016 às 09h00
Por: Redação
Pesquisa indica ascensão do candidato do PSB e estagnação de Iris Rezende

Mardem Costa Jr. 

A segunda rodada da pesquisa Ibope, encomendada pela TV Anhanguera e divulgada ontem, reafirma o crescimento de Vanderlan Cardoso (PSB) na preferência do eleitorado goianiense.

Continua após a publicidade

O socialista foi o único candidato a crescer nos dois levantamentos estimulados – quando o pesquisador apresenta uma cartela com o nome dos candidatos aos entrevistados.

Apesar de continuar na liderança, Iris Rezende (PMDB) oscilou um ponto negativo em comparação à apuração anterior – o peemedebista registra 36% ante 37%. Cardoso cresceu 14 pontos percentuais, saindo de 13% para 27%.

Analisando os números do Ibope com aqueles divulgados pelo Serpes, percebe-se uma certa estagnação de Iris, que se mantém na casa dos 30%, com dificuldade de avançar para uma possível vitória em primeiro turno.

Por sua vez, Delegado Waldir (PR) continua em queda livre. O republicano aparece com 13% – queda de 9% em relação à rodada anterior, quando tinha 22%. Adriana Accorsi (PT) foi apontada por 6% dos eleitores, oscilando dois pontos negativos. A petista, tal qual apurado na Serpes, está estagnada em um dígito.

Francisco Júnior (PSD) foi lembrado por 2% dos ouvidos, Flávio Sofiati (PSOL) por 1% e Djalma Araújo (Rede) não foi lembrado. Brancos e nulos são 9% e indecisos somam 6%.

O Ibope ouviu 602 eleitores entre os dias 13 e 15 de setembro. A margem de erro é de quatro pontos percentuais para mais ou para menos e nível de confiança do levantamento é de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número GO-00893/2016.
 
Espontânea

A vantagem de Iris sobre Vanderlan foi reduzida também na pesquisa espontânea – quando o entrevistado cita o nome de um candidato sem a cartela. O peemedebista foi lembrado por 29% dos eleitores.

Na cola do ex-prefeito segue Cardoso com 21%. Na casa de um dígito, Waldir, Adriana e Francisco – respectivamente com 9%, 4% e 1%. Djalma e Sofiati não foram apontados. Indecisos somam 23%,enquanto 13% afirmaram que pretendem votar em branco ou anular o voto.
 
Rejeição

Iris Rezende continua sendo o candidato mais rejeitado pelo eleitorado, com 24% de citações, seguido por Adriana Accorsi e Djalma Araújo – empatados em 22% e Delegado Waldir, com 20%. Flávio Sofiati é desaprovado por 19% dos entrevistados, enquanto Francisco Júnior aparece com 16% de reprovação. 

Vanderlan Cardoso foi o candidato menos reprovado, sendo apontado por 11%. Indecisos são 14% e outros 6% afirmaram que poderiam votar em todos os postulantes.

Segundo turno

O Ibope simulou três cenários num possível segundo turno. No primeiro, numa disputa entre Iris e Delegado Waldir, o peemedebista venceria o republicano por 49% a 32%, com 14% de brancos e nulos e 5% de indecisos.

Já no segundo, Cardoso registra 49% contra 29% de Waldir – 15% de votos brancos e nulos e indecisos são 6%. No terceiro e último cenário – e mais provável – Iris e Vanderlan estão tecnicamente empatados. O candidato do PMDB tem 43% contra 42% do postulante do PSB. Brancos e nulos somam 10% e 6% estão indecisos

Foto: reprodução

Veja Também