Bolsonaro visita Goiás para lançar obras ferroviárias em Mara Rosa

Postado em: 15-09-2021 às 11h12
Por: Nielton Soares
Presidente estará nesta sexta-feira (17/09). A presença do governador Ronaldo Caiado (DEM) é esperado, mas ainda não foi confirmado | Foto: Gov. de Goiás

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) visitará mais uma vez o estado de Goiás. O chefe do Executivo federal tem agenda oficial em Mara Rosa na próxima sexta-feira (17/09). De acordo com o Ministério da Infraestrutura, ele vai acompanhar a cerimônia de lançamento das obras da Ferrovia de Integração Centro-Oeste (Fico), no Norte goiano.

Além do presidente, o evento terá a presença do ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas. Já o governador Ronaldo Caiado (DEM) é esperado no evento, mas ainda não confirmou presença.

Bolsonaro e Caiado têm se distanciado. No dia 28 de agosto, quando o presidente esteve em Goiânia, em um evento numa igreja evangélica, ambos não se cumprimentaram publicamente. E no último dia 2, quando o governador visitou Brasília, duas agendas dele foram canceladas, após comentários de Bolsonaro.

Na ocasião, o presidente culpou os governadores sobre aumento da gasolina e indiretamente citou Caiado. “Tem dois governadores, não vou falar o nome, que estão mentindo falando que eu estou mentindo. Eles é que estão mentindo”, disse Bolsonaro a apoiadores.

“Um aqui do Centro-Oeste, fala grosso o cara, diz que está 32% o preço fixo, mas ele não fala que o 32% é em cima do valor total na bomba e tinha que ser em cima do preço da usina, da refinaria”, emendou.

Programa

A cerimônia marca o programa federal ‘Setembro Ferroviário’, que prevê inaugurações e lançamentos de obras em ferrovias por todo o país. O projeto ‘Fico’ deve integrar à Ferrovia Norte-Sul e também à futura Oeste-Leste. O trecho goiano tem 383 quilômetros de extensão e vai de Mara Rosa até Água Boa (MT).

Acerca de obras ferroviárias, em julho de 2019, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) esteve em Anápolis, a cerca de 55 km de Goiânia, para assinar o contrato de concessão da Ferrovia Norte-Sul com a empresa Rumo, vencedora da licitação da concessão realizada em março deste ano. Ele esteve acompanhado a todo momento pelo governador Ronaldo Caiado (DEM).

Compartilhe: