Sábado, 04 de fevereiro de 2023

Tik Toker é investigada por assassinar amante da mãe

Ao que parece, Saqib Hussain era o suposto amante de Ansreen e estava ameaçando as mulheres de explanar conteúdos pornográficos compartilhados durante o tempo do affair.

Postado em: 28-10-2022 às 17h51
Por: Victória Vieira
O caso aconteceu em 11 de fevereiro deste ano e segue sendo investigado | Foto: Reprodução/TikTok

A tiktoker Mahek Bukhari e a mãe Ansreen Bukhari estão sendo investigadas por um suposto plano de assassinato contra um homem. Ao que parece, Saqib Hussain era o suposto amante de Ansreen e estava ameaçando as mulheres de explanar conteúdos pornográficos compartilhados durante o tempo do affair.

De acordo com o jornal norte-americano The Sun, outras três pessoas estão envolvidas na morte do rapaz. Ele morreu em um acidente de carro no Inglaterra. No veículo estava Hashim Ijazuddin, amigo de Hussain. Ambos estavam viajando quando de repente, colidiram contra um canteiro central que acabou pegando fogo.

O plano de matar o homem começou após o amante da mulher ameaçar a enviar os vídeos sexuais para o marido de Ansreen. Com isso, ela pediu ajuda à filha para acabar com o assunto. Em resposta, a tiktoker concordou e confessou que logo tudo seria resolvido. “Em breve farei com que ele seja atacado por caras e ele não saberá que dia é hoje”, escreveu em uma mensagem com a filha.

Continua após a publicidade

O caso aconteceu em 11 de fevereiro deste ano e segue sendo investigado. Na última quinta-feira (27/10), o promotor Collingwood Thompson informou em uma audiência que Hussain teve um caso de três anos com Ansreen.

“Várias mensagens entre eles mostram que ele se tornou cada vez mais obsessivo, professando amor e implorando para que ela continuasse; mas outras mensagens mostram raiva e frustração por ela não retornar as ligações dele. No dia 10 de fevereiro, Saqib fez inúmeras ligações para o telefone de Ansreen que nunca foram atendidas. Essa raiva e frustração por ela não atender suas ligações o levaram a tomar outras medidas”, relatou Collingwood.

Veja Também