‘Renaissance’: Beyoncé tem álbum vazado e agradece fãs que esperaram o lançamento oficial

A obra musical da cantora teve sua estreia durante a madrugada desta sexta-feira (29/7), mas um dia antes, o projeto foi vazado.

Postado em: 29-07-2022 às 13h56
Por: Victória Vieira
O álbum conta com 16 faixas, incluindo o single principal, Break My Soul | Foto: Divulgação

A ansiedade para a volta da cantora Beyoncé, de 40 anos, ao mundo da música era tanta que alguns fãs da cantora não aguentaram até o dia oficial do lançamento de seu álbum: o Renaissance. A obra musical teve sua estreia durante a madrugada desta sexta-feira (29/7), mas dois dias antes, o projeto foi vazado. Com isso, fãs da diva do pop se juntaram, baniram o vazamento e pediram as pessoas que esperassem até que fosse liberado legalmente nas plataformas de stream.

Em uma carta aberta no Twitter, a Queen B, apelido da artista na indústria musical, escreveu uma carta de agradecimento aos fãs pela atitude de não ouvirem seu álbum de forma ilegal, através do material vazado. A cantora ainda destaca o amor e paciência que cada um teve esperando o lançamento oficial.

“Então, o álbum vazou. E todos vocês realmente esperaram até a data do lançamento oficial para que vocês pudessem curtir juntos. Eu nunca vi nada parecido com isso. Eu não tenho agradecimentos suficientes por todo o seu amor e proteção. Eu aprecio vocês por terem chamado a atenção de qualquer pessoa que estava tentando entrar escondido no clube antes da hora”, brincou fazendo referência ao conceito do Renaissance. “Isso significa o mundo para mim. Obrigada pelo seu apoio inabalável. Obrigada por terem sido pacientes. Vamos tirar o nosso tempo e apreciar a música… Continuarei a dar o meu melhor para trazer a alegria para vocês. Eu amo profundamente todos vocês”, declarou.

Continua após a publicidade

O álbum conta com 16 faixas, incluindo o single principal, Break My Soul. Esse foi apenas o primeiro ato, a cantora irá lançar mais dois atos do projeto musical. Desde a estreia, Renaissance conquistou top 1 nos iTunes em mais de 100 países, nos Estados Unidos atingiu em menos de 30 minutos.

A diva do pop leva os ouvintes a uma viagem de volta as discotecas dos anos 80 e 90, introduzindo músicas no gênero House Music. Produzido durante a pandemia e homenageando o seu falecido tio, membro e ativista da comunidade LGBTQIA+, Beyoncé consegue inovar em algo que já foi utilizado por diversos artistas antigos, sem fugir da proposta mantendo sua essência, marca e magia.

“É uma celebração de viver em abundância e fora das expectativas dos outros. Age tal qual um lembrete de como é raro ver esta artista hiper-disciplinada simplesmente se divertindo nos seus próprios termos”, avaliou o jornal norte-americano The Guardian.

Repercussão

Os internautas das redes sociais não pouparam elogios sobre o novo álbum da cantora e ficaram eufóricos com o lançamento. As hastags Renaissance, Beyoncé, CUFF IT, ALIEN SUPERSTAR ficaram nos assuntos mais comentados do Twitter. Confira:

Veja Também