24 de junho de 2017 - sábado

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Cultura
ORQUESTRA
13/04/2017 | 06h00
Marcos Arakaki rege concerto na ‘Quinta Clássica’ da Filarmônica de Goiás
No programa, estão as obras Serenata Para Sopros de Strauss,Pulcinella (suíte) de Stravinsky, e a Sinfonia Nº4 de Beethoven

O concerto desta quinta-feira (13) da Orquestra Filarmônica de Goiás (OFG), na Quinta Clássica, será regido pelo consagrado maestro Marcos Arakaki, atual regente associado da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais (OFMG). No programa, estão as obras Serenata Para Sopros de Strauss,Pulcinella (suíte) de Stravinsky, e a Sinfonia Nº4 de Beethoven.

Marcos Arakaki carrega em sua bagagem destacada relevância na formação de plateias e estreias de obras sinfônicas. Com a carreira marcada por prêmios, destacam-se o 1º Concurso Eleazar de Carvalho para Jovens Regentes e o 1º Prêmio Camargo Guarnieri. Foi regente titular da Orquestra Sinfônica da Paraíba e da Orquestra Sinfônica Brasileira Jovem, recebendo, nesta última, grande reconhecimento de crítica e público pela sua reestruturação. 

Com a Orquestra Sinfônica Brasileira (OSB), da qual Arakaki foi regente assistente, gravou a trilha do filme Nosso Lar, composta por Philip Glass. Arakaki é professor visitante de Regência Orquestral na Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e regente titular da Sinfônica da mesma instituição.

Quinta Clássica

Tradicional espaço cultural da cidade, o Teatro Goiânia é o palco onde a Filarmônica executa um amplo repertório da música de concerto, com a participação de convidados de renome. As apresentações ocorrem sempre às quintas-feiras às 20h30.

SERVIÇO:

‘Quinta Clássica’ – Marcos Arakaki rege a Orquestra Filarmônica de Goiás 

Quando: Quinta-feira (13 de abril)

Onde: Teatro Goiânia

Horário: 20h30 (pontualmente)

Entrada gratuita 

Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)