Com chuvas constantes, Aparecida reforça combate ao mosquito da dengue

A ação visa conscientizar moradores a retirar os pneus inutilizados das ruas, que são um dos principais criadouros do mosquito aedes aegypti

Postado em: 28-10-2016 às 08h00
Por: Renato
A ação visa conscientizar moradores a retirar os pneus inutilizados das ruas, que são um dos principais criadouros do mosquito aedes aegypti

Caio Marx

Com a chegada do período chuvoso, a Secretária Municipal de Saúde (SMS) por meio da Coordenação de Vigilância em Saúde Ambiental realiza ação de combate contra o Aedes aegypti em Aparecida de Goiânia. A operação de combate começou na última quarta (26) no Setor Colina Azul com a realização de visitas domiciliares, manejo ambiental e atividades educativas. Foi dada continuidade na última quinta-feira (27) com uma ação de recolhimento de pneus em todo o município.

A ação contou com 120 pessoas envolvidas e tem expectativa de recolher de 35 a 40 mil pneus. Todo o material foi encaminhado para o Centro de Cultura e Lazer José Barroso no Village Garavelo na região central do município e após a ação, o material será levado para uma empresa de reciclagem. No início de outubro também foi realizada uma ação para recolhimento de pneus inutilizados e foi coletado mais de 30 mil pneus.

Continua após a publicidade

Em entrevista ao O Hoje, Iron Pereira, coordenador de Vigilância em Saúde Ambiental, ressaltou que a população precisa cuidar da sua casa e não realizar descarte de pneus, lixo ou materiais velhos em lotes baldios. “Precisa ser um hábito de rotina das pessoas a ação contra o mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya e o cuidado deve ser redobrado durante o período de chuva”. 

Segundo Iron Pereira, apenas nesse, ano já foram recolhidos de Aparecida de Goiânia por volta de 284 mil pneus inutilizados que são encaminhados para Abadia de Goiás onde é triturado e usado como combustível de caldeira. Ainda de acordo com o coordenador, as borracharias e os lotes baldios são onde mais se tem índice de acúmulo de pneus, e ressalta que é necessário evitar a aglomeração sem necessidade desses objetos.

Dengue

Com a falta de chuva nos últimos meses, ocorreu uma queda enorme nos casos de dengue em Aparecida de Goiânia, mas mesmo assim ainda se tem registro da doença no município. As ações que estão sendo realizadas antes mesmo de iniciar o período chuvoso, visam os bairros onde houver maior incidência de infestação do mosquito transmissor como Buriti Sereno, Garavelo, Tiradentes, Cidade Vera Cruz 1 e Jardim dos Ipês.

Recentemente, Aparecida de Goiânia recebeu um documento da Secretária Estadual de Saúde (SES) que atesta o município com menos de 1% de focos de Aedes Aegypti, o selo é referente ao primeiro semestre de 2016. A cidade possui apenas 0,14% de focos e tem o objetivo de que esse número se erradique.

A única forma de prevenir a doença é erradicar o mosquito, pode ser usado com medidas preventivas, o controle da infestação e a compreensão da população para não haver novos criadouros. Apesar do número de casos ter reduzido é necessário o uso de repelente constantemente especialmente por grávidas, pois antigamente o mosquito tinha hábitos diferentes dos atuais, se reproduzia em água limpa e parada e picava apenas durante o dia. Atualmente, ele consegue se reproduzir em água corrente e suja e ataca durante a noite.

Veja Também