Pintado ameniza discussão com Alef Manga, mas que haverá conversa com atacante: “Vou cobrar”

Postado em: 13-06-2021 às 15h24
Por: Victor Pimenta
Atacante discutiu com treinador após ser substituído diante do Cruzeiro | foto: Rosiron Rodrigues / Goiás EC

O Goiás conseguiu um ponto importante na noite do último sábado (12), ao empatar fora de casa diante do Cruzeiro em 1 a 1. Além do resultado, outro acontecido chamou a atenção na partida, uma discussão entre Alef Manga e Pintado após o atacante ter sido substituído.

Apesar de ter pontuado longe de casa, o clube esmeraldino saiu na frente ainda no primeiro tempo e então o treinador Pintado fez algumas mudanças que fizera com o que o Goiás recuasse mais, atacasse menos e isso “chamando” o Cruzeiro para seu campo, até que no final da partida o Cruzeiro fez o gol que igualou o resultado.

“Eu não vi como um erro, porque eu queria outra característica e nós centralizados o Bruno Mezenga novamente, o Alef teve um desgaste um pouco maior em um jogo onde no primeiro tempo teve que voltar muito pois baixamos nossas linhas para marcar. Tanto que nossos extremos, como o Diego saiu sentindo e o Alef acabou cansando no final e não tendo a potência, que é a maior virtude dele e centralizar o Luan foi para ter um pouco mais de posse de bola. Começamos um segundo tempo melhor, mais organizados, mas não tivemos essa compressão para chegar no gol adversário e realmente não foi bom o jogo, mas levar um ponto contra um grande adversário é sempre importante”, ressaltou o comandante.

Além do resultado em si, outro acontecimento gerou repercussão na equipe esmeraldina. Após ser substituído no segundo tempo, o atacante Alef Manga não gostou da mudança do treinador e acabou discutindo com o mesmo. Após o jogo, o treinador comentou sobre.

“Realmente a gente tem um temperamento, quando começa o jogo eu também sou um cara muito sanguíneo e vibro bastante. O Alef também é assim e outros profissionais aqui dentro. O que a gente entende é que sempre há uma vontade muito grande de vencer. Longe deu querer ser amigo, de querer que gostem de mim, eu quero que o Goiás ganha e sempre que eu tiver que cobrar qualquer um aqui dentro para o Goiás vencer, eu vou cobrar. Vamos conversar internamente isso para não criar algo maior do que é”, pontuou Pintado.

A equipe esmeraldina volta a campo agora na próxima terça-feira (15), quando recebe a equipe do CRB, no estádio Hailé Pinheiro, às 21h30. O time alagoano soma sete pontos na competição, vindo de três vitórias seguidas, sendo duas na Série B e uma na Copa do Brasil, eliminando o Palmeiras.

Compartilhe: