“Arbitragem foi determinante no resultado”, diz Jair Ventura após derrota na Serrinha

Há 21 jogos no comando do Goiás, técnico afirma que cada jogo demanda uma estratégia diferente; o próximo adversário é o São Paulo, no Morumbi

Postado em: 22-07-2022 às 17h28
Por: Maiara Dal Bosco
Após derrota na Serrinha, Jair Ventura destaca que arbitragem tem prejudicado o Goiás, que, chegou a estar na frente do placar, mas acabou perdendo para o Fluminense | Foto: Rosiron Rodrigues | Goiás EC

Depois de ter sido derrotado pelo Fluminense na Serrinha, pelo placar de 3 a 2, o Goiás chegou a 7ª derrota no Campeonato Brasileiro. O técnico Jair Ventura ressaltou que a equipe jogou de igual pra igual com o Fluminense, invicto há nove jogos na temporada, mas também pontuou, em coletiva de imprensa, que “a arbitragem foi determinante no resultado do jogo”.

Segundo Ventura, que citou o jogo contra o Juventude, o Goiás tem sido prejudicado pela arbitragem. “O juiz mais uma vez prejudicou a nossa equipe. O Yan teve uma bola na mão e foi marcado pênalti para o Juventude. Aqui tivemos uma bola na mão do Samuel e a arbitragem não marcou, então qual é o critério?”  frisa.

O técnico prosseguiu, destacando que a marcação do pênalti é sempre interpretativa, e sempre nessa interpretação o Goiás é prejudicado. Ele também parabenizou os atletas pelo desempenho – o Goiás chegou a virar o placar durante o jogo.  “Arbitragem muito ruim. Mas, parabenizo os atletas pelo jogo, não pelo resultado. Uma equipe que está a nove jogos invicta, a gente viu as mudanças que eles tiveram, o elenco que eles têm. Jogamos de igual pra igual com uma grande equipe. As duas equipes procuraram o gol e a equipe que foi mais eficiente conseguiu a vitória, que foi a equipe do Fluminense”, avalia. 

Continua após a publicidade

Ventura frisou ainda que cada jogo tem demandado uma estratégia diferente. “Acho que a ideia de jogo já está implementada, tenho mais de três meses aqui e completei 21 jogos. Mesmo assim, a gente ainda está em busca de um time ideal. Claro que a manutenção do sistema é importante, mas temos que respeitar as características do adversário. Estou lendo e estudando sempre a cada jogo qual é a melhor equipe pra gente”, pontua. 

Próximos jogos

Com o resultado, o Goiás fica em 14º na classificação, com 21 pontos e próximo da zona de rebaixamento. Com cinco vitórias, seis empates e sete derrotas, e um aproveitamento de 38.9% até aqui na Série A, o Esmeraldino volta a entrar em campo no sábado (23), às 19h, contra o São Paulo, no Morumbi. O Tricolor paulista também briga na parte do meio da tabela: é o 10ª colocado com 25 pontos conquistados. Na sequência do calendário, no sábado (30), o Goiás recebe o Coritiba, na Serrinha.

Veja Também